sábado, 22 de maio de 2010

Náufragos de nós

Ontem estive lá no blog da Suzanna e quando essa duplinha se junta o assunto mais comentado é a amizade.Tenho um carinho muito grande por essa moça que anda descalça na ilha."Será que não machuca os pés?".Se quiser dar uma conferida é só clicar AQUI.

E já que se falou muito em amizade e não sei porque a palavra amizade é muito relacionada á barcos e mares eu estava aqui lembrando de um post antigo que publiquei logo depois que ela esteve aqui no meu sofá em 2008. Falava sobre o filme "O Náufrago".Não é nenhuma novidade na telinha,parece que já até virou filme inédito da Sessão da tarde. Pra mim é um clássico.Definição de clássico é a soma de filme + Tom Hanks = Clássico. 
Em seu isolamento Chuck tinha duas grandes companhias: a sua bola Wilson e o relógio com a foto de sua noiva. Wilson é um amigo imaginário, mas que na verdade representa uma parte dele mesmo.
"O personagem do Tom já era um naufrago bem antes de cair no mar. Como todos nós. Sózinho você percebe que sobreviver é fácil, difícil mesmo é viver. É na dificuldade que você percebe percorrendo por suas veias uma força intima, uma coragem escondida, é a nossa inteligência superior e nossa disciplina desconhecida que nos torna capazes de vencer qualquer obstáculo"
O que mantinha Chuck vivo era sua esperança de um dia sair com vida dali. Eram as conversas com o Sr. Wilson, que o animavam e divertiam.

"...Quando cheguei naquela ilha, logo depois de um tempo, tinha certeza que jamais sairia de lá, que tinha perdido tudo, que nunca mais retornaria, que meu grande amor estaria perdido para sempre. Tentei me matar, pois nos meus cálculos, invariavelmente isto aconteceria, mais cedo ou mais tarde, fosse por um ferimento ou doença, mas sem recursos... era inevitável. Resolvi então dar cabo de minha vida para evitar maiores sofrimentos, escolhi no alto de uma rocha uma árvore, para poder enforcar-me, porém, antes de colocar meu próprio pescoço, fiz um teste para ver se a árvore suportaria meu peso, não suportou e árvore espatifou-se lá embaixo. Daquele ponto em diante, percebi que não tinha controle nenhum sobre minha própria vida, pois nem morrer como gostaria era possível. Mas que, diante disto, só restava uma coisa a fazer, manter-me vivo, respirar. simplesmente respirar." (daqui)



Quando acordei agora pela manhã pensei que às vezes até uma manhã de sábado como essa pode brilhar diferente para uns e outros. Como se sobrevive a isto? Tive tempo de fazer minhas meditações e ler um pouquinho da minha Bíblia.A Biblia tem sido o meu "Sr.Wilson", é a senha para sair de casa animado e cheio de confiança.Comigo tem dado muito certo, e olha que sou enrolado pra caramba.
Quem sabe o que a maré poderá trazer hoje? No caso de Chuck, a maré trouxe sua salvação.

Bom dia, bom sábado e boas marés!

5 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Suzi disse...

A maré de hoje me trouxe novos amigos. Pelos menos 4 novos amigos e renovou amizades antigas.

Provou também, para mim, que não importa a tempestade que esteja fazendo lá fora, se o sol estiver brilhando dentro de você.

E confirmou o que eu já sabia: nosso corpo não tem a menor ideia de que o sorriso que vc mantém no rosto é teatro, porque na verdade está chovendo intensamente dentro de vc. Nosso corpo não faz a menor ideia, e o efeito de um sorriso, seja ele "fingido" ou legítimo, é o mesmo: Você se revigora.

Eneida disse...

É meu querido.....mesmo vivendo uma fase em que "a maré não está pra peixe".....tenho buscado a orientação de Deus diariamente, e confio plenamente que a salvação virá e o melhor, tenho pessoas como vc que me fazem dispensar o "Wilson". Muito obrigada, muito obrigada mesmo!!!! beijinhos

Valdeir Almeida disse...

Amigão,

Gostei da relação entre amizade e maré. A maré é aquela que sempre nos leva para a terra firme, para a segurança. E amizade nos faz seguro. Ela é também um pouco do Dr. Wilson, faz-nos lembrar de que não estamos sozinhos neste mundo.

Abraços, Amigão.

Suzana Martins disse...

Ôwn Amigão que lindo!!!^^

Ó saiba que eu te amo demais e fico imaginando um sábado que nós vamos nos encontrar! Já pensou, eu, você e a Suzi?? Que maré maravilhosa, hein?!! rrs...

É, confesso pra ti tbm, a bíblia tem sido meu senhor Wilson...

BEijos meu amado querido!!!

*esse filme é lindo

E mais uma vez MUITO OBRIGADA por escrever lá nas nossas marés!!

Te amo

Josí disse...

Amigão, tenha certeza de que sua maré estará sempre para peixe, pois é de uma alegria imensa ler os sentimentos que vc transforma em letras, estou numa maré muito cheia e posso numa boa dividir com vc essa alegria.
Continue lendo o seu ´´Wilsom`` porque sua inspíração nos comove.
Grande abraço do seu Amigo, Josí.

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____