sábado, 10 de abril de 2010

Eu não mudei, ainda sou o mesmo!





Tudo o que Eu criei foi pra você,
O vento que Eu soprei fez você viver,
E um dia contemplando
o que Eu construí,
Eu planejei fazer você feliz!
Mesmo assim, o que aconteceu?
Você não Me conhece,
ou se esqueceu,
E agora então o vejo
tão longe de Mim,
Mas sei que vou fazer você feliz.

Eu não mudei, ainda sou o mesmo!
Meus braços ainda estão abertos,
Minhas mãos estão feridas,
Eu não mudei, ainda sou o mesmo,
tão cheio de amor,
Volte pra Mim porque Eu não mudei.

Toda vez que olho pra você
Percebo a obra prima que Eu criei,
E vejo cada traço
que um dia desenhei,
Eu quero ver você viver feliz!

Letra e música de Evaldo Vicente
Clique aqui para ver o vídeo

3 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Dani disse...

Oi Amigão!!! Esse texto é muito lindo! Um ótimo fim de semana pra tu!
Bjus

Suzi disse...

Olha só... Tempão sem vir aqui. Quando chego, me deparo com esse poema de amor.
E o vídeo é linnnnnnnndo!!!

Eneida disse...

Ainda bem que Ele, diferente de nós....jamais muda!! beijinhos e bom domingo

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____