quinta-feira, 12 de novembro de 2009

O tempo de Mário Quintana



 
"O Tempo
A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!

Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas...
Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido a falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará."





Pense nisso junto comigo e vamos fazer hoje uma dia sensacional.

5 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Luana! disse...

E não volta mesmo. Mas ainda bem q ele passa!

Mitti disse...

Amei esse texto do Quintana...vou até copiar no meu blog, pois ele diz muita coisa sobre mim nesse momento.

bjoka

Valéria Russo disse...

amigão..
que poema lindo do amado Mário quintana...
sou uma fã ardorosa dele, que falta nos faz tão doce poeta.
é realmente nosso tempo é hoje, pois o amanha a Deus pertence e o ontem já passou...
vamos viver intensamente cada instante, pois essa é a dádiva da vida.
bjkas em seu coração.
uivos de amizade.
loba.

Eneida disse...

Combinado..............beijinhos

Natália disse...

Amigão, é verdade. Quando a gente vê já é Natal e o CD da cinema já está tocando nas caixas de som das lojas Americanas.
Então, vamos aproveitar o tempo antes que ele passe e não volte mais, né?
Um sábado feliz MESMO pra você.

beijo

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____