terça-feira, 24 de novembro de 2009

Lombada



Naquele post da semana passada eu contei que não falo com um amigo desde 1997 por conta de minha chatice e tomei uma surra nos comentários. Mas não é bem assim e temos que fazer justiça aos amigos que estão sempre ao nosso lado apesar dos pesares.
A campanhia de casa tocou e lá estava ele, o meu amigo Bill com seu filhinho Gui de três anos de idade:
- Pai, quem são essas pessoas? O que tem aqui nessa casa?
- Aqui é a casa do seu tio, filho.
- Meu tio? Ele é gordão né pai?
- ...
O Bill é meu amigo desde 1986 quando nos conhecemos e apesar da enorme diferença de idade na época , que hoje não é tão grande assim já que os dois são barrigudos e envelheceram, nossa amizade permaneceu. Pra ser sincero mesmo é uma amizade que sobreviveu a tantos comentários devido mesmo a diferença de idade.O que era importante para os outros para nós era só um detalhe, e o tempo está aí pra mostrar que  uma amizade pura é sim um tom de vida.
Nossas visitas são raras mas basta um telefone: "Preciso falar com você urgente", "estou com problemas", "preciso de um conselho" e a gente despenca do Campo Grande para a Aclimação ou de lá pra cá.E como é bom ouvir desse amigo:

- Sabe, você é o verdadeiro DNA, da minha personalidade, do meu caráter, de tudo que sou hoje.

Não vejo o Bill todos os dias, mas um dia liguei pra perguntar algo sobre finanças, já que ele é um grande profissional numa grande instituição financeira, e ele me falou:
- Amigão, você acredita em sincronia?
- Sei lá o que é isso.
- Então ,eu ia te ligar justamente hoje.
E eu acreditei, porque nas várias vezes que nos falamos sempre um estava pensando em ligar pro outro ou no tempo que estávamos sem nos falar.
Pensando bem amizade é isso mesmo e consiste na inexistência de resistência ao outro mesmo quando há resistências.
O tempo passa e a gente vê que de toda uma historia não sobraram rancores, nem cobranças, só mesmo a vontade incrivel que a gente tem de se ver de vez em quando.
E quando o amigo aparece com o filho te chamando de tio, é de rasgar o coração , né não?
- Tio aqui ta falando que tem buraco!



- Não Gui, não é buraco é lombada. O sinal de buraco é ao contrário
- Tio porque você e meu pai conversam tanto hein?

4 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Valdeir Almeida disse...

É, amigão,

Nas grandes amizades, a sintonia fala antes do que a voz. Um conhece tanto outro que parece haver, sim, algo que transcendente.

Abraços, amigão, e uma excelente terça-feira pra você.

Eneida disse...

Querido........muito bom mesmo, termos amizades sem tempo ou distâncias. beijinhos

Marcone França disse...

As relações de amizade são realmente muito "especiais". Eu tenho amigos que passei mais de vinte anos sem contato, msa são amigos, e especiais. Não é a distância nem o tempo que diz de uma amizade.

Abraço!

Suzi disse...

Caramba... eu não sabia que tinha batido... nem que tinha doído... rs

Mas agora vão chover aplausos.
Bj!

(liga pra Ciba. é a hora!)

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____