quinta-feira, 21 de maio de 2009


Desde muito tempo eu tinha a ideia fixa de que morreria aos sessenta. O que sempre fez acreditar nisto foi a outra ideia de que também não me casaria, assim viveria meus dias tranquilo e quando chegasse aos sessenta me despediria solenemente e não faria falta a ninguém, apenas aos meus irmãos e sobrinhos, mas eles saberiam e entenderiam a minha vontade.Os amigos, bem, lamentariam a perda mas saberiam que sempre foi esse meu desejo.Foi.Não é mais.
Um dia Deus me deu de presente um filho para criar, e recentemente este filho me informou que outro presente estava a caminho:
- Amigão (é assim que nos tratamos) você vai ser avô!
- Avô? Como assim?
- Simples assim.Avô.
- Será um menino e vai se chamar Guilherme.
- Não. Guilherme não.Ele vai se chamar Ryan.
- Mas que nomezinho amigão. Guilherme é um nome forte, poderoso e importante...
- Não, diz a nora, vai se chamar Ryan. Já tem muito Guilherme na família.
Ok, discussão encerrada.
Mas se eu perdi na escolha do nome não perdi na escolha do time de futebol.E foi assim que o futuro avô babão não titubeou quando viu estas roupinhas na loja de esportes. E as primeiras peças do enxoval do Guilherme, digo Ryan, já estão prontinhas.

E agora eu só pretendo morrer depois de conhecer meu bisneto.Né não?

5 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Cristiane A. Fetter disse...

Menino, avô de menino é uma loucura.
Meu pai tem verdadeira paixa pelo meu filho que até o momento é o único neto macho.
Parabéns.
bjks

Su disse...

Palmeiras, Amigão????!! :S
O Guilherme, ops Ryan, tem que ser Flamenguista!!!! huauhauauhuah...
Que vovô coruja mais fofo!!!!
Beijos, Amigão!!
Morrendo de saudade de vc

Suzi disse...

Beleza.
Mas tem o segundo uniforme, né?
Aquele em rubro e negro, aquele que é "até morrer".

(p.s. são muito fofas, mesmo, as roupinhas de uniforme para bebê!)

Depois que vir seu neto, vai querer viver até vê-lo campeão. E aí, se quiser viver muito, muito mesmo, é só torná-lo vascaíno (ou botafoguense ou tricolor), porque aí demoooooora... E título e 2ª ou de 3ª não conta, você sabe...
:o)))

Elaine disse...

Olá!
Encontrei seu blog, vim conhecer e estou deixando este comentário para desejar um lindo fim de semana.
Beijos.

Natália disse...

hehehe
Acho que todo avô tem essa coisa de querer que o netinho torça pelo menos time. Quando eu tiver filhos, certamente meu pai vai querer que eles sejam flamenguistas, mas eu realmente nem vou me importar, afinal, futebol não é o meu forte.

Aposto que tu já tá imaginando a cara do netinho vestido na roupa do Palmeiras, hein?

beijo, vovô coruja

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____