segunda-feira, 23 de março de 2009


Não vivo sem música. Qualquer coisa que me lembre um banquinho e um vilão é suficiente para fazer uma festa. E festa é outra coisa que adoro. Festa e música. Por isso foi aquela festa a hora que o Maurinho apareceu lá em casa. Não demorou um segundo pra aparecer também um banquinho e um violão. E outros segundos passaram até que a notícia se espalhou pelo bairro: O Maurinho vai tocar na casa do amigão.
A voz do Maurinho é um pouco alta demais, mas é bonita afinada. Dá gosto ouvir, o cara canta muito.Ou como se diz canta pra cacete : Caetano, Djavan, Zé Geraldo você já ouviu alguma outra música do Zé Geraldo que não fosse Cidadão? O Maurinho canta esta e várias outras. Raul, Fagner, Chico, Tim Maia além de muita bossa nova e muito rock.
Tudo bem que o Maurinho não sabe tocar “Pai” do Fábio Jr., mas rolou de tudo. Até a música da Rosinha lembra?
Vou construir minha casinha, lá no alto do cerrado; Mais eu só levo a Rosinha, depois de tudo acabado; É feita de pau-a-pique, colada com eucatex; E na parede tem quadrinhos, presos com fita durex; Tem fios pra todo lado, só falta eletricidade; Mais nao demora ela chega, vem junto com a cidade. Aí eu vendo esta merda, e encho o cú de dinheiro;
E a Rosinha que se foda, eu vou morar num puteiro.”

Mas o que eu acho que irritou mesmo os vizinhos não convidados foi quando lá pelas tantas começou:
“Daí eu choro tanto e o pranto não para,
Acho que to tomando vergonha na cara,
Vou ligar pra ela e vou dizer:
- Vai se fuder, to com outra mais gostosa que você”

Ah foi isto então. Ainda bem que a policia chegou de mansinho e educamente pediu que a gente dimimuisse o volume do som. Mas era música ao vivo:
- Você morava ali naquela casa né? Agora ta morando aqui? Já fomos chamados várias vezes lá também. Eu lembro de você.
- hehehehehe . Quer entrar seu policia, tomar uma com a gente?
- Não amigão to em horário de serviço.São três horas da manhã, cantem mais baixo.
Mas vem cá, chamar policia pra festa? Só porque estava muito alto e porque eram apenas (ainda) três horas da manhã? Ô gente insensivel, né não?

7 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Lilica disse...

Ô povo sem alegria!!!! Rsrsrsrs! Chamar a policia é fogo! Beijo

Pronto, falei! disse...

Um dos meus programas favoritos também! O último foi no carnaval na pacata Hortolândia com uma penca de primos dos quais pelo menos 4 tocam violão... delíííííícia!! Isso devia ser liberado por lei! rsrsrs...
Beijo grande - sempre bom ler vc!

Suzi disse...

Ô, "Pronto, falei!", por que eu 'tava "incluída fora dessa"???
Droga!

_________


Tô aqui imaginando a tua cara, amigão, convidando o Puliça pra participar da festa!!
:o))

Lucas Oliveira disse...

não sabem o que é ser feliz... chamar a polícia pro Amigão?!


vapápatacaparau, viu?

-----------------------


Amigão... meu blog faz neste mês de abril, dois anos de existência...

comemore lá comigo, aproveita e saiba a história do 'logo' do meu blog...

bjos


te espero por la

Ronaldo disse...

Também sou viciado em música. E basta um violão pra qualquer reunião virar uma festa. No caso eu sou o "violãozeiro".

Outro dia saí com uma turma, fomos para uma praça-bar (arrumei esse nome agora) tomar uma cervejinha e jogar conversa fora. Levamos um violão. Lá pelas tantas, tocando de tudo, de Belchior a Victor e Leo, a turma das outras mesas começou a fazer pedido de músicas e a gritar BIS.

Ficamos nessa até quase dar policia tb rsrs.

E do Zé Geraldo eu só conheço Cidadão rsrs. =P

Abraço.

Éverton Vidal disse...

O post acima é meu Amigão. O gmail do meu irmão tava aberto aqui e deu zebra rs.

Natália disse...

Esse seu post deu vontade de participar de uma dessas também. Faz tempo que eu não sei o que é isso.

Beijo, Amigão-desordeiro-da-rua

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____