sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009


No filme "No mundo da lua", o índio americano convocado para a Guerra do Vietnã, aprendeu com o feiticeiro da tribo os dois maiores segredos da vida:

1 - Nunca esquente a cabeça, por coisas pequenas
2 - Todas as coisas são pequenas

Desejo a todos um ótimo final de semana, mas ótimo mesmo!


Beijão do amigão!

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Pra vocês verem como o meu patrão é irresponsável. Ele combinou com a dona Lorena e a dona Suzanna que se encontrariam em Porto Seguro no ano passado. Elas foram. Ele nem deu as caras. A Dona Lorena deixou vários presentinhos pra ele lá. Isto foi em agosto e só agora o desinfeliz mandou buscar os presentes.
Quando chegaram e vi que tinha um pote de doce de leite, que eu adoro. Ele foi logo informando que eu não ia tocar um dedo naquele doce. Mas Deus é grande! O doce estava vencido. hahahahaha, venceu em novembro.
O mau caráter mudou de idéia e disse que eu poderia comer o doce todo: "Quer doce de leite? Come sua besta, pode comer tudo..."
Ai que ódio deste homem! Depois querendo agradar me chamou pra viajar com ele.Recusei o convite.Lógico, sei que depois iria descontar as despesas do meu salário. Nada disso.
Resolvi ficar por aqui mesmo. E sair no bloco “Eu sozinha”. E vou assistir tudo pela TV em casa. Do sambódromo direto pra Cocaia. Transmissão ao vivo.
Vou passar os cinco dias em casa. Arrumando, faxinando e escrevendo uma coisinha aqui outra ali.Sem perder os desfiles das escolas de samba. E acompanhar a novela. Aliás, eu já entendi porque o Marcio Garcia é de uma casta inferior. É que ele veio da Record...ahahaha, to aprendendo estas piadinhas bestas com o meu patrão.


Amanhã tem sofá com a dona Nana. Mas o patrão já está longe numa hora destas. Eles gravaram o post do sofá e se mandaram.
O patrão mandou dizer que ele agora só ano que vem, pois o ano só começa mesmo depois do carnaval.

Bom carnaval a todos!
Maria Elite, natural da Bahia, é a diarista do Amigão e quase ex-namorada do Janderson, escreve todas as sextas aqui no blog do patrão.Disse que este ano não vai ser igual aquele que passou. Vai passar o carnaval em casa, sózinha. Provavelmente ouvindo, cantando e arranhando a garganta com a Ana Carolina. Todas as notícias são verdadeiras, a única falsa aqui é ela mesmo. A Ilustração da Elite, foi feita pelo Moiza, do Vida Monga

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Tartaruga-cabeçuda

As Tartarugas - Cabeçudas


Estou lendo sobre as tartarugas. Veja só que interessante: as Tartarugas são animais migratórios, não tem casa fixa, são conhecidas como viajantes do mar. (epa, conheço alguém assim). Na época de sua reprodução, ela retorna à praia em que nasceu (sei como é...) e coloca seus ovos escondidos em buracos dentro da areia desta praia.

No litoral brasileiro, o período de desova (quando colocam os ovos) é de Dezembro a Junho. Estima-se que para cada 1000 Tartarugas nascidas, apenas 1 ou 2 chegam a idade adulta. Elas levam 30 anos para se tornarem adultas (algumas nunca chegam né? ) e podem pesar de 65 (a mais leve) a 750 quilos .
Por isso não importa onde estejam, as tartarugas vão direto para o mar. As tartarugas-cabeçudas em especial, parecem que têm uma espécie de bússola orgânica e conseguem ficar no caminho certo: uma rota de migração de 13 mil quilometros.


(imagem tirada do orkut de uma tartaruga-cabeçuda muito conhecida por aqui)
Próxima parada:


Bom dia, mas bom dia mesmo!

quarta-feira, 18 de fevereiro de 2009


1.O último meme que recebi...
Recebi um meme da Luna, mas em vez de responder dei uma maquiadinha e fiz dele a feijoada de hoje. O meme está AQUI, se quiser responder vai lá no Coisas e Louças e diga pra Luna que é meu amigo e pode pegar o meme.

2.O último selo que ganhei....acabei de ganhar um selo do blog Com tudo na Net.....Roxie???? Roxie? Tá valendo.Obrigado amigão!


3. O último postal que recebi...na verdade recebi dois postais esta semana. O primeiro veio da Lorena, junto com uma caneca linda que não consegui postar hoje.Mas é linda mesmo. Verde com o brasão da Universidade de Viçosa.o outro postal veio da Suzanna, da praia Estrela do Mar, "A melhor praia de Porto Seguro".


"Amigão,Espero que goste de todos os presentes. O doce, que é o melhor doce de leite do mundo, deixe a dona Elite comer um pouco. A caneca, é mais uma para sua coleção e este postal é pra ver se um dia você anima de visitar Minas. Esta é a Universidade Federal de Viçosa;"
Beijão
Lorena"




4) A última carta que recebi...Tão bom receber uma cartinha né? E quem mandou foi a Suzanna: "Amigão e protetor! Muito em breve quebraremos a última barreira, a distância e faremos disso uma grande realidade.Deixaremos de ser letras e imagens congeladas...seremos carne, coração, braços, mãos, sorrisos e abraços."




5. O último vídeo que assistí...acabei de ver este vídeo no youtube.Conta a história de dois amigos que criaram um leão como animal doméstico...clique pra ver.


Que feijoadinha simples mas bem gostosa! Um beijão do amigão e até a próxima feijuca, depois do carnaval.


terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

Li ontem na Moça sobre uma blogagem coletiva preparada para hoje, promovida pelo blog Fio de Ariadne que ainda vou conhecer, com o tema "O livro da minha vida". Minha participação nesta blogagem é mínima. Não vou seguir bem as regras do evento mas indico o caminho pra quem quiser participar.
Veja as regras e como participar AQUI

Minha relação com os livros é algo muito pessoal. Não gosto de falar deles. São meus. A maioria deles li em noites solitárias e chuvosas. Foram meus amigos ocultos e participaram das minhas teorias conspiratórias e muitas vezes me acalmaram e aliviaram a noite que se anunciava fria.
Quando era pequeno li o “Mistério da caverna”, que narrava as aventuras de dois meninos que passavam a noite caminhando pela aldeia e praticando o bem. Os dois munidos com sua lanterna consertavam uma casa aqui, um barquinho ali, devolviam um objeto perdido acolá e tudo na calada da noite até serem investigados e descobertos pelo detetive Roy, já que a pequena aldeia estava em alvoroço tentando descobrir os autores daqueles mistérios estranhos. Li o "Mistério da caverna", quantas vezes pude. Praticamente a infância inteira.

Depois já no ensino fundamental, lá pela sexta série li “Férias em Xangri-lá”, indicado pela minha querida professora Vasty que encantou e envolveu minha infância.
Antes disso na escolinha lá em Campo Grande havia o "clube do livro" e na quarta série fui campeão com um recorde de leitura. A contagem era pelo total de páginas lidas. Isto me lembra a professora Miriam Mariana Barbosa (sei o nome inteiro de cor). Para ser bem sincero, os livros substituiam os brinquedos, já que éramos pobres e a diversão era ler. E pra ser muito sincero muitas vezes substiuiram a própria alimentação. Comida já foi coisa rara em minha vida também. Livros não.Nunca.
Depois os livros do Sidney Sheldon logo substiuídos por todos da Agatha Christie. Os livros acadêmicos, históricos, as biografias também foram grandes paixões."O Anjo Pornográfico", "Chatô" e muitos outros.
Na publicidade todos que tinha que ler li até que estes foram trocados pela coleção inteira com 33 volumes do "Asterix".
E outros e outros e centenas deles que encontrei pela rua, nos sebos. Eu gosto de sebo até hoje que é onde faço pequenas pescarias de livros raros e antigos. Nos sebos encontro livros que fizeram época na vida de pessoas.
" É tão triste quando se vai em um sebo - e eu gosto de ir a sebos, como você sabe- e achar livros que foram dados de presente a alguém com dedicatórias carinhosas. Amores antigos e amizades passadas, são essas as histórias que essas dedicatórias contam; e eu me sinto um intruso quando vejo essas pequenas histórias tristes, como se estivesse olhando pelo buraco da fechadura para algo tão íntimo e agora tão melancólico." (Rafael Galvão)

Mas a blogagem não trata dos livros que li ou que comprei em livrarias e sebos ou mesmo nas calçadas da Praça da República. O tema da blogagem é “O livro da minha vida”.


Quando vim morar em São Paulo, minha mãe me deu uma Bíblia de presente. E escreveu: "Filho este livro vai fazer você esquecer o pecado.Ou o pecado vai fazer você esquecer este livro"(mãe, nenhum nem outro, pode ficar tranquila). Pois é, eu tenho uma Bíblia aqui em casa. Bíblia, isso mesmo. Olha aí em cima, já bem velinha. Este exemplar está comigo e sempre bem visível desde 1986.

É ítem de bagagem, é horóscopo, é meditação, é remédio é a minha bulssola diária.É pessoal.Não foi o único como puderam ver, mas foi o que me acompanhou nesta longa e agitada vida. E foi lá que aprendi a mais absoluta de todas as verdades: "O choro pode durar uma noite inteira, mas a alegria virá pela manhã".

E é esta certeza que me faz dizer pra você cada manhã: Bom dia, mas bom dia messssssmo!

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

Em quase todas as salas havia um quadro na parede, com um aviso a todos os funcionários e chefes:
"A partir de hoje, é terminantemente proibido dar qualquer tipo de notícia ruim na sexta feira.Todas as noticias ruins e chatas, deverão ser dadas na segunda feira, que já é um dia chato e ruim.
Assinado: Jose Zaragoza"

E foi a partir daí, que as noticias ruins e principalmente as demissões, passaram a ser comunicadas na segunda feira seguinte.


Eu penso que o grande problema da segunda feira é o domingo. O terror começa lá pelo finalzinho da tarde. Depois da ressaca fenomenal e do almoço tardio chega a tarde de domingo. E vem aquela sensação de que viver não vale a pena. A gente então dá uma olhada nas revistas e jornais que não trazem nenhuma novidade já que vimos tudo na internet. Busca uma lembrança de um amor ou amizade, uma viagem boa, um momento incrível. Nada. A ameaça da segunda feira fica ruminando na cabeça. Televisão? Vinheta do Fantástico? Pânico na TV? Nada mais escapa à triste sensação de que amanhã é segunda feira.
Tento mudar o foco e lembrar do maior ensinamento do meu Pai: "Hoje é segunda e depois de amanhã já é quarta feira e vai ficar faltando só dois dias pra terminar a semana" .Já postei isto aqui, mas nunca é demais lembrar que o tempo passa, o tempo voa e depois de amanhã será quarta e ficarão faltando apenas dois dias para o carnaval. Carnaval pra mim é sinônimo de praia. Quase uma semana inteira na praia.
Cafezinho no msn


- Oi amigão, quanto tempo!

- Oi Naninha, que surpresa agradável.

- Hoje é minha folga, mas está chovendo no Rio, por isso estou aqui no msn

- Eu postei um comentário lá no seu blog hoje, você viu?

- Eu vi amigão. Fiquei surpresa, nunca imaginei um comentário daquele vindo de você. Imaginava de outra pessoa.

- Pois é Nana, as coisas mudam. Eu fico pensando, se eu tivesse tido mais cuidado e não deixado a namorada do meu filho dormir em casa, talvez hoje ela não estivesse grávida.

- Amigão, ela ficaria grávida de qualquer jeito.

- Sei não...

- Amigão qual a idade deles dois?

- Bem... ela é a mulher de 23 anos e ele é um moleque de 22 anos apenas.

- kkkkkkkkkkkkkkkkk amigão tá com ciúmes!

- Ah, Naninha, estão levando meu moleque!

- Tá com ciúmes, tá com ciumes...

- Ok, vou tomar um café já volto!

Piadinha interna da Turma: Eu não assisto BBB9 mas ouvi dizer que, a Ana Carolina está no paredão!

sábado, 14 de fevereiro de 2009

Sabe aquela amiga que tudo acontece com ela? Pois então, são elas, Cafeína e Niquinha, mulheres contando a verdade, quase sempre.
Cafeína está na base dos 20 e muitos anos, phD em entrevistas de emprego e consultas psicológicas em bares.
Niquinha é a mentora de todas as histórias mais raras da humanidade, inspiração para todas as idades.



Com vocês as famosas meninas do www.bebendo.com.br




Cafeina:
- Hey.. qando tá a fim de fazer o dialogo de conteúdo lá?

Niqui diz:
- Onde vende conteúdo?

Cafeína:

Niqui diz:
- Dia 14 né?
Cafeína diz:
- Dia 14 é pra ele postar.
Niqui diz:
- Dia 13 né? Não faço idéia do que falar num sofá virtual, pelo menos o sofá é vermelho, tá na moda, hit da estação.

Cafeína:
- Meninas inspiradas são sexies.
Niqui diz:
- Sexy??? Hoje eu não tô sexy, to cansada, dispensei dois bofes, eles só aparecem quando to cansada
Cafeína:
- O sofá é vermelho?
Niqui diz:
- É sim, você num viu não? Ou que imaginei? Sempre quis um sofá vermelho
Cafeína:
- Verdade, e daqueles que eu queria
Niqui diz:
- Poxa... Será que um dia a gente vai ter um sofá desses? Parece tão confortável
Niqui diz:
- Mas ajuda.....o que a gente vai falar mesmo nesse sofá?
Cafeína diz:
- Então, vamos falar do Amigão, do blog e de cerveja. Ta, acho que cerveja eu inventei.
Niqui diz:
- Mas falar de quem não conhecemos é complicado e, não imagino como é o Amigão, tipo aqueles caras com cara de simpático, bochechas rosadas, bebendo no boteco
Cafeína diz:
- Eu sei que o Amigão gosta de canecas, igual a mim. Por que será que ele quis tanto que participássemos? Não somos estrelas gozadas como o Phernando. Tem algum blog que você tá lendo esses dias ou tá sem tempo?
Niqui diz:
- To lendo o blog do BBB, aquele de sacanagem
Cafeína diz:
-Big Bosta Brasil, sensacional
Niqui diz:
- Pois é, tenho que ficar sabendo do que acontece, senão no escritório eu não participo das conversas. Ninguém quer falar sobre a crise.
Cafeína:
- Vamos abrir um blog www.crisemundial.com, sucesso na certa
Niqui diz:
- Acho válido. Depois a gente abre um www.queroumsofavermelho.com
Cafeína diz:
- Por que será que o Amigão tava com medo de nos pedir pra participar hein?
Niqui diz:
- Assim óh, ele deve tá com medo dos nossos textos "muito fortes, mas excelentes", sacou? Mas inapropriados para a internet. A net tem regras, e nossos textos são fortes .

Cafeína diz:
- E perder todos os patrocinadores dele, assim como nós perdemos com essa explicação sobre nossos textos fortes, mas excelentes?
Niqui diz:
- uhum....exatamente. A gente podia arrumar um patrô de filme pornô, que você acha?
Cafeína diz:
- Bem pensado, vou ligar para algum pré-evangélico. Já reparou que todo ator pornô vira evangélico depois?
Niqui diz:
- Faz parte da evolução evangélica, você primeiro sai peladona na revista, enche o cu de grana, dá pra geral, faz um filme pornô, dá o dinheiro pra igreja, toma esporro, encontra a palavra de deus e pronto. Está salva.
Cafeína diz:
- E que nunca mais vai fazer vídeos 'eróticos' de novo porque agora tem filhos.
Niqui diz:
- Olha só, homens parte 24544564544, bofe ligou agora: pooooooxa você realmente não acredita que eu te adoro??
Cafeína diz:
- 'Eu te adoro" são palavras que a gente recebe quando não querem nada além de uma noite conosco
Niqui diz:
- Eu sei, mas eu não quero sexo hoje, quero pizza.Ele não entendeeeee
Cafeína diz:
- Dependendo do caso, voto na pizza por afinidade, Bial.
Cafeína diz:
- Eu sou mais simples, acho que o Amigão tava com receio porque não falamos muita coisa de conteúdo, geralmente... Quer conteúdo vai pedir texto pro Phernando (momento puxa-saco)
Niqui diz:
- Opa, Phe tem conteúdo!!!!!!!!!!!!!! Puxa-saco, puxa-saco

Cafeína diz:
- Enrolamos, enrolamos e não escrevemos nada de bom para o nosso Amigão
Niqui diz:
- Ta bom, vamos falar sério.Ele realmente acredita que a gente ia conseguir?
Cafeína diz:
- Agora o texto tá grande rsrs... Chega Importante ele não perder a fé, alguém tem que ter fé em nós.
Niqui diz:
- Sim, que seja ele .Vai com a fé, café
Cafeína diz:
- Amém, irmã
Niqui diz:
- Amém, posso pedir minha pizza?

Com este diálogo de conteúdos, agradecemos o convite do nosso Amigão para participar do seu ‘teste do sofá vermelho’, é uma delícia sentar por aqui... rs

Um grande beijo no umbigo à todos os nossos parceiros do blog, ao Amigão e aos nossos credores. Visitem http://www.bebendo.com.br/ com a promessa de político que encontrarão mais conteúdo.
Café e Niqui, muito obrigado por emprestar o prestígio de vocês à turma do amigão! Valeu mesmo. Beijão!
O Moiza como sempre surpreendendo e superando. Aproveite pra conhecer o novo cantinho do Moiza também: http://www.vidamonga.com.br/

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009


O Janderson Subiu no Telhado

Estava lendo um livro emprestado de uma amiga do meu patrão, com o título “Por que os homens fazem sexo e as Mulheres fazem amor? ”. Mas o patrão disse que o livro é besteira. Logo ele que só gosta de falar das coisas que conhece bem , me vem falar mal de um livro que nem leu:

- Elite pra começar, o título original deste livro é: “Por que os homens não escutam e as mulheres não sabem ler mapas?”. Você acha que não existam mulheres que também não escutam e que também fazem sexo e não amor? Besteira, besteira... Melhor dar um jeito na casa que amanhã tem visita importante.

Desisti do livro e fui espionar o blog das meninas que veem visitar o sofá do patrão amanhã, a Cafeína e a Niquinha. Logo de cara, um post que é a minha cara e que relata tudo que aconteceu comigo e tudo que passei estes dias.Fiquei arrepiada pois outro dia mesmo, espionando o Orkut do Janderson vi um scrap da ex- namorada dele.Que ódio!




“Claro que eu sou uma mulher experiente beirando seus 50 anos de maturidade e não me sinto mais insegura quanto a essas bobagens adolescentes de ciumes, posse, etc e tais...

Mas é lógico que eu sou auto suficiente quanto a emoções, confio no meu taco, aprendi e sei exatamente que ninguém fica com ninguém por obrigação...

Entendi plenamente que, se ele está comigo é porque gosta de mim e pronto, sem maiores delongas e frescuras femininas hormonais sem lógica, que ele pode ter 34 ex namoradas e 6 ex mulheres, o que importa é o presente, o agora e não esse passado confuso e sem emoção que todos já passaram sem mim...

Como ele poderia ser feliz sem mim? Aposto que todas foram sem graça. Mais do que nítido que sou mais eu...
Coisa mais doentia essa coisa de ciúmes e insegurança não é mesmo? Eu sei e estou certa de tudo isso, confio em mim, no Janderson e no detetive que pago mensalmente...

Aí, amiga, você acorda, linda e de cabelo liso, pega o ônibus e vai trabalhar, entra na internet, olha seu orkut e sim, sim, sim, sim, tem um recado da ex pra ele....

Ladys and Gentleman, o Janderson subiu no telhado.

Tudo que eu disse alguns parágrafos acima foi pro ralo juntamente com meu Shampoo Seda Liso Extremo, meu condicionador Seda Gloss e me cabelo liso natural.

E pronto, não adianta ele reclamar, ele que se orgulhe, conseguiu, eu morri de ciúmes. E pronto, e agora, quem poderá me defender? Ela era mais bonita? Mais inteligente? Cabelo mais liso? Usava Seda Gloss? Duvido! Tá, acho que é mais bonita...

Não sei, ih eu acho caí na rede que a outra queria, caí na neura que ele gosta e passei o dia encanada... será que eles vão voltar??? Não enquanto eu tiver o primeiro parágrafo decorado! E na verdade, ela nem é tão boa assim... se não estavam juntos até hoje, não é? Não? Diz que sim vai..."


Eu acho que vou adorar conhecer a Cafeína e a Niquinha, elas descreveram tão bem minha história. E elas entendem tudo do sexo masculino. Vamos passar um sábado inteiro tricotando. Se o Mané do meu patrão não atrapalhar né?

O patrão mandou comprar umas brahmas, ele disse que as meninas bebem bastante. Espero vocês amanhã por aqui.

Este texto, a Elite copiou colou
DAQUI, das meninas do blog Bebendo que estarão aqui no sofá do amigão amanhã.


Maria Elite, natural da Bahia, é a diarista do Amigão e quase ex-namorada do Janderson, escreve todas as sextas aqui no blog do patrão. Ainda não tem um blog pois acha que não tem motivos nenhum pra ficar contando sua vida íntima pra todo mundo. E depois que voltou de férias, está com manina de ouvir Ana Carolina arranhando a garganta. Todas as notícias são verdadeiras, a única falsa aqui é ela mesmo. A Ilustração da Elite, foi feita pelo Moiza, do
Cartum com bobagem.

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2009

- Amigao, você gosta de ganhar flores?
- Flores? Flor tipo rosa, margarida, etc?

- É amigão.Flores. Não tem nada a ver com sexo.Flores são flores.
- Putz...vão me chamar de insensível, de grosso...Mas eu não curto não.
- Porque?
- Por uma simples razão, eu não sei onde ponho as flores num vaso ou se finco na terra.Não tenho a menor noção se elas soltam pólen ou só fedor, e se ao amarelarem devo jogar no lixo ou apenas juntar as pétalas que caem dentro do meu copo de cerveja.
- É so colocar num vaso d' água, amigão!
- Mas tem que ficar trocando a água?
- Lógico. As flores enfeitam, dão um odor diferente à casa.
- Ah sim...eu sei. Aquela água fica fedendo igual a feijoada que comprei no sábado e na quinta estava com aquele mesmo cheiro.
- ....
- Eu já te contei que ganhei uma plantinha e um belo dia ao chegar em casa, ela havia se enforcado e deixado um bilhete: "Eu te odeio, amigão!" (xiiii, tomara que a Lorena, não leia isto)
- Fala sério!
- Cara me manda um email urgente concordando com esta negociação, se não o bagulho vai ficar parado aqui na minha mesa.
- OK, amigão fala seu email.
- É...Jose.Sousa,draftfcb.com . Sousa, com S.
- Tá, sousa com "s". E o resto do email, como que escreve?Soletra pra mim.
-DraftFCB. "D" de dado, "R" de rato, "A" de ave, "F" de faca, "T" de telha, "F" de fada, "C" de casa, "B" de bola. Ponto com. Tendeu?
- Amigão, é "D" de dolar ou "B" de bola?
- "B" de bola.
- Ah tá, entendi.
E o email não chegava pois o sujeito digitava "Souza", com "Z":
- É com "S" animal.
Passei a vida inteira explicando o meu email comercial. Na Ogilvy era a mesma dificuldade. Lá o meu email era Airton.Sousa
- Não é Ailton, é Airton, igual Ayrton Sena, só que com "I"
- E o resto amigão, pode soletrar?
- "O" de ovo, "G" de galinha, "I" de ivo, "L" de laranja, "V" de vaca e "Y" de igreja.
- "Y" de igreja?

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009


A feijuca de hoje é mais uma homenagem do amigão a todos que fazem parte da turma mais gostosa da blogosfera.
No dia 11 de março de 2008 eu postei AQUI a brincadeira da galinha que atravessou a rua. Muita coisa mudou desde aquele post. Como seria hoje? Resolvi postar novamente a brincadeira e espero que todos gostem.
A pergunta é, porque a galinha atravessou a rua?




Coisas e Louças: Eu detesto fazer isto...não gosto de fazer isto, mas isto é um galo e não uma galinha. Pronto falei.

A Louca da Casa: Esta galinha coitada não é feliz. Eu sim...Ai jesus, jesus...eu sou uma futura esposa, ai jesus!! Feliz, feliz, feliz...


Nana: Amigão, às vezes eu não concordo com você, mas pela sua preocupação com a galinha é que eu te amo.E não esqueça, nada acontece por acaso.Nada mesmo.

Baqueta de Condão: Tadinha, cada vez que eu fazia um movimento com as baquetas ela se assustava.Fugiu de medo...

Suzi: Quando vi a galinha atravessando a rua eu pensei, se ninguém pode impedir esta coisa,o mundo está praticamente perdido! Então fui lá retardar um pouco a perdição definitiva do mundo. Salvar eu sei que não dá, mas se eu posso pelo menos distrair a galinha e assim pelo menos consigo retardar o processo de destruição.

Lucas: Eu não sei, mas a boca dela parece com aquela moça da TV. Escrevam no balãozinho o que vocês acham.

Juliana: Ai meus sais...eu nunca gostei desta galinha porque uma vez ela falou mal do PT. Eu posso falar pois eu sou petista, ela não!


Cartum com bobagem: Amigão quando esta galinha voltar, traz ela pro sofá. Vou adorar fazer uma caricatura....
Lilica: Esta galinha parece minha chefe maluca. Ainda bem que ela atravessou se não eu que iria embora.

Monica: Esta galinha é uma vaca.Entenda que é melhor não fazer as perguntas se não estiver pronta pra ouvir as respostas, ok? Então tá.

Du: Esta galinha me mandou um selinho uma vez. Achei um mimo encantador. Até comentei com meu amor, do melhor blog que eu conheço, como é gratificante ter um reconhecimento assim, inesperado.
Everton: Precisava conversar com essa galinha... Amar e mudar as coisas me interessa muito. Coitada! Mas eu acho que já li este post em algum lugar.

Débora: Esta galinha era um ser em constante metamorfose.Viciada no mundo virtual. Apesar de galinha era humana, demasiada, humana

Ella: Atravesou a rua? Então, malandra, armou bem e se deu mal....kkkkkk

Flavia e Kabeça: Eu não lembro disso, pois eu era novo ainda e eu não consigo lembrar de minha infância.Talvez aí esteja a explicação da minha dificuldade de entender porque ela atravessou a rua.

Francine: Fugiu de novo amigão? Toda vez que venho aqui tem uma surpresa...

Horizonte Máximo: Fugiu pois precisava de um abraço.E abraços não precisam de equipamentos, pilhas ou baterias especiais. É só abrir os braços e o coração .

Jornalista Azarado: Não vou me preocupar com isto. Afinal não posso resolver mesmo!Ela fugiu para um lugar de expressão.

Juca: Oba! Este assunto da galinha vai acabar virando uma blogagem coletiva. A casa do escritor está aberta!



Lorena:
Ela não fugiu, foi em busca da chuva, dos sonhos, das borboletas. Um pingo que cai na travessia. Como dizia a Clarice...

Camila: E lá se foi a galinha, andando e tentando se equilibrar. Deveria ser simples. Um pé na frente do outro. E pronto. Uma obvia fórmula mágica. Mas o obvio também cai, tropeça e vira chão.

Mari: Ok.Atravessou sim. Ninguém tem a obrigação de olhar além do seu próprio prisma mas, seria interessante se esta galinha começasse a pensar que viver é uma atuação coletiva e, por mais que se diga que nascemos só e viveremos só, o caminho é feito em conjunto.

Suzanna: Era uma galinha meiga, doce. Quando não observava o chão em busca de passos, estava com o olhar à meia altura em busca de outros olhares e suas verdades. Olhos indecifráveis. Um olhar capaz de despir o outro que acidentalmente descobria seus olhos ali...


Mundiota: Esta atitude pode ser facilmente interpretada, como egoismo.O que não deixa de ser, visto que atualmente vivemos em um mundo do ter e pior, do parecer ter / ser, enquanto o que devemos valorizar é o ser.

Vó Rô: A perda da galinha me enfraquece porque sou parte da humanidade. "Homem algum é uma ilha, completa em si mesma" Pobre galinha!

Pronto Falei: Isto é tão profundo que comentar estraga. Vou me limitar a refletir.



To doyda: Gente, aqui não é como aí. Ela seria multada em plena travessia.

Natália:É uma galinha cheia de bossa. Anyway, muito corajosa também!

Urbano: Eu estava com os meus filhotes, depois de escrever o meu primeiro romance quando a Moça me ligou e contou que a galinha fugiu. Ok, manda umas ovelhadas atrás dela e um QC para o amigão!

Elite: Eu tenho boas notícias...consegui pegar a penosa. Hoje tem galinhada!

Bom dia, mas bom dia mesmo!

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

Lembro que em 2006 em Porto Seguro, o tempo todo só tocava "Poeira" e ninguém aguentava mais aquilo. Pois bastou voltar para São Paulo e assim que o vizinho ligou o som e colocou "poeira", todos aqueles momentos felizes passados na Bahia vieram à tona com uma carga imensa de saudade.

Se escuto "Eu te proponho, nós nos amarmos, nos entregarmos...." eu lembro de Guarapari e de como estava apaixonado naquela época.
Se toca Titãs, eu lembro quando eu decidi "cuidar do seu jardim, do seu jantar e de você e de mim". Também lembro do meu pai quando tocam " Marvin, agora é só você, eu fiz o meu melhor , chorar vai lhe fazer sofrer...".

Este é o poder da música em minha vida. Cada canção uma lembrança. Às vezes confundo os personagens. Era "A" ou "B"? E daí? O bom é sentir de novo, ou melhor lembrar de novo da tremendeira, da dor no peito, a boca seca, o vermelhão no rosto e da intensidade que vivia.

E digo isto pois o vizinho está ouvindo Chico Buarque e ainda nem são 8 da manhã. E sabe de uma coisa? "Sinal fechado" lembra um amigão que reencontrei na Av.Paulista.Um dia ele parou de Jipe no sinal ,eu estava a pé, ele buzinou e gritou:
- Amigão, vamos marcar pra sair, beber alguma coisa. Me liga!
O sinal abriu e nunca mais se ouviu falar.

Sinal Fechado


(com Paulinho da Viola)



– Olá! Como vai?
– Eu vou indo. E você, tudo bem?
– Tudo bem! Eu vou indo, correndo pegar meu lugar no futuro... E
você?
– Tudo bem! Eu vou indo, em busca de um sono tranqüilo... Quem sabe?
– Quanto tempo!
– Pois é, quanto tempo!
– Me perdoe a pressa
- É a alma dos nossos negócios!
– Qual, não tem de quê! Eu também só ando a cem!
– Quando é que você telefona? Precisamos nos ver por aí!
– Pra semana, prometo, talvez nos vejamos...Quem sabe?
– Quanto tempo!
– Pois é...quanto tempo!
– Tanta coisa que eu tinha a dizer, mas eu sumi na poeira das ruas...
– Eu também tenho algo a dizer, mas me foge à lembrança!
– Por favor, telefone
- Eu preciso beber alguma coisa, rapidamente...
– Pra semana...
– O sinal...
– Eu procuro você...
– Vai abrir, vai abrir...
– Eu prometo, não esqueço, não esqueço...
– Por favor, não esqueça, não esqueça...
– Adeus!
– Adeus!

(Sinal Fechado - Chico Buarque)

sábado, 7 de fevereiro de 2009


Diacho de coincidências!
(Urbano Leonel Sant' Anna - 06 de fevereiro de 2009)


Preâmbulo:

Antes de dar início ao texto propriamente dito, quero avisar que sou frontalmente contra o novo acordo ortográfico, portanto dou uma grande e gorda banana a esses acadêmicos irresponsáveis que, pelo menos para mim, só comprovaram uma imensa falta do que fazer e um obsceno desrespeito às já tão mirradas verbas para a educação, que agora terão de ser aplicadas nas correções de livros didáticos e no treinamento dos educadores para que se reacomodem a esta nova e indesejada situação. Eles que ousem mexer com as minhas idéias para tentar roubar delas os acentos, tremas e hifens a que já se afeiçoaram!


O convite:

Dia 27 de janeiro de 2009, há pouco mais de uma semana, recebi um e-mail do Amigão:

"Oi Urbano,

Como vai o amigão? Tudo certo por aí?

To te escrevendo para fazer um convite que pra mim é muito especial.

No dia 07 de fevereiro, meu blog vai completar dois anos no ar. É dia 07 e é sábado. E sábado é dia de Sofá.

Dai eu pensei que você poderia fazer uma revisitinha no sofá neste dia e escrever um post de aniversario da Turma do Amigão"

Respondi imediatamente, agradecendo comovido pela honra e pedindo esclarecimento se o texto deveria ser sobre o aniversário ou poderia ser livre. O Amigão confirmou que seria melhor se fosse sobre o aniversário.


Mãos à obra:

A minha conexão com a internet não estava nada santa nestes dias e acabou culminando com um total isolamento digital que durou praticamente 3 dias, bem no meio da minha pesquisa sobre as centenas de posts do blog do Amigão. Como no domingo, 1º de fevereiro, véspera do feriado de Nossa Senhora dos Navegantes aqui em Porto Alegre, eu amargasse o segundo dia sem acesso à web, resolvi escrever o post do Sofá com o material que eu já tinha reunido. Pensei: "Vou fazer meu texto como se estivesse apresentando o blog do Amigão para alguém que nunca veio aqui." Que idéia genial! (alguém diria) Aprontei o post no mesmo dia e fiquei só esperando a conexão voltar para revisar algumas dúvidas na "Turma do Amigão". A conexão voltou somente na terça-feira à tarde, dia dos mais corridos para mim. Revisei o texto naquela noite, pois estava decidido a mandar para o Amigão na tarde da quarta-feira.


A bomba:

Ia eu tranqüilo pegar o carro depois de ter deixado meus filhotes com a mãe deles, quando toca o telefone. Era a Moça, que já tinha lido o meu texto para o Sofá e estava um tanto agitada: "Viste o post da Feijoada? Acho que deverias dar uma olhada. Está muito parecido com o teu." Vim correndo pra casa na intenção de conferir o que ela dizia. Quem sabe ela poderia estar exagerando. Não! Não era exagero. Eu e o Amigão tínhamos tido a mesma idéia. Embora as palavras fossem diferentes, a maneira de organizar o post era parecida demais. Lembrei da professora dizendo pro Joãozinho: "João, a tua redação sobre o teu bichinho de estimação está idêntica à do teu irmão." Ao que o malandrinho respondeu: "Claro, fessora! O cachorro é o mesmo." Que remédio... Mandei meu texto para o Amigão assim que terminei de ler o dele para demonstrar a incrível coincidência. A resposta dele:

"Bom dia amigão!

Pois é, eu me antecipei né????

O post ficou legal, só vou excluir os títulos das colunas para não ficar muito parecido.

Tá perfeito!

Valeu mesmo amigão!"

Uma (quase) solução:

Sexta-feira, dia 06.
Eu não podia simplesmente deixar o Amigão publicar aquele texto no dia seguinte. Precisava de uma nova idéia.
Pensei, pensei, pensei...
Eureka! Vou fazer uma retrospectiva de todos os convidados do Sofá nestes dois anos! Deve ficar bem legal, além de trazer à nossa lembrança quase toda a Turma do Amigão. Genial! (mais uma) Agora vai! Fiquei cheio de animação outra vez.

Dois raios na mesma árvore:

Corri para o blog do Amigão para pesquisar os posts do Sofá. Ah, não! De novo não! E não é que agora foi o "Diário de Elite" se antecipando a mim? Putzgrila duplo!!! Vou mandar um texto que não tenha nada a ver com o aniversário. Não tem jeito!

Sobre limões e limonadas:

A não ser que... Espera aí um pouquinho... Se Deus te deu um limão (ou dois), faça uma limonada (ou duas)... Já tenho uma história. Além disto, posso seguir o conselho do Amigão e fazer mais: vou reescrever, de uma forma bem resumida, a parte das colunas e mandar para o Amigão. Agora, sim, a homenagem:



2 anos de Turma do Amigão
(Urbano Leonel Sant' Anna - 01 de fevereiro de 2009)


Introdução:

Disse o Amigão há exatos 365 dias:

"Escrever um blog pode ser encarado como uma brincadeira. Uma diversão. O problema é quando isto se torna um vício e você sente obrigação de todo dia escrever um texto legal. E nem sempre consegue."

Ele disse isto para introduzir o post de aniversário, pois naquele dia a Turma do Amigão completava o seu primeiro aninho de existência na blogosfera. Em seguida, o Amigão publicou o mesmo texto que inaugurou o seu, hoje nosso, tão querido e admirado espaço neste mundo real feito de bits e bytes. Eu ainda não andava por aqui, por isto tive de lançar mão de uma extenso e rigoroso trabalho de pesquisa para entender a história do blog do nosso Amigão.

Origens:

1. O apelido:

O Airton nem sempre teve o cognome de Amigão. Na adolescência ele recebeu um apelido que sempre lhe pareceu sem sentido e, talvez por isto mesmo, nunca lhe agradou. Quando, ao servir à pátria no glorioso exército brasileiro, ele já se imaginava livre da incômoda alcunha de escola, os sargentos, os cabos e os soldados ressuscitaram a peste do apelido indesejado, que eu, por respeito ao Amigão, levo para o túmulo comigo e não confesso nem que me torturem com uma sessão interminável de videoclipes de bandas emo brasileiras. Depois veio "Pedra", na empresa DPZ. Só quando passou a fazer parte do quadro funcional da empresa Ogilvy que o Airton, por causa do seu colega Marcelinho, passou a ser Amigão como todos nós o conhecemos.

2. O blog:

Segundo as palavras dele mesmo, a Suzi , através do MSN, foi quem sugeriu ao Amigão que criasse um blog para divulgar os textos que, segundo ela adivinhava, tinham tudo para divertir os futuros leitores e parceiros. O Amigão, então, aceitou o convite, criou o blog A Turma do Amigão e publicou seu primeiro texto no universo bloguístico. Não consegui achar o post original, mas o de 1º aniversário me fez crer que o título era "Restaurante". A pretexto de falar sobre jantar fora, o dono da "Turma" mostrou o seu estilo de escrever: um jeito simples e direto de se comunicar, sem firulas nem frufrus, marcado sobretudo pela descontração e pelo bom humor. A partir daí, dirigido por um piloto com capacidade e criatividade para dar e vender, não demorou muito para o blog levantar vôo e atingir velocidade de cruzeiro.

A semana da Turma do Amigão:

O Amigão gosta de falar sobre tudo, mas demonstra, ao mesmo tempo, uma organização de causar inveja à maioria de seus parceiros blogueiros, por este motivo "A Turma do Amigão" se divide em várias colunas com dia certo para irem ao ar, o que facilita demais para os leitores fiéis. Como o Amigão está constantemente repensando a si e ao blog, que é a personalidade e a casa virtual do Airton, as colunas foram mudando com o tempo. Algumas delas praticamente desapareceram e outras mudaram de dia, afinal o blog precisava abrir espaço para as novas colunas que a imaginação do Amigão ia criando, permitindo ao seu espaço crescer e evoluir.
Atualmente a agenda é mais ou menos assim:

Nas segundas-feiras, o Amigão não está pra brincadeiras, por isto é geralmente neste dia que ele Fala Sério.

Nas terças-feiras, o Amigão gosta de tomar Cafezinho com os amigos.

Nas quartas-feiras, desde o dia 05 de março de 2008, o Amigão prepara aquela famosa Feijoada. Eis a explicação dele:

"Em São Paulo em todos os restaurantes quarta feira é dia de feijoada. O mais brasileiro dos pratos é feito com feijão preto guarnecido de ingredientes saborosos e apimentados. A partir de hoje (05 de março de 2008) toda quarta aqui no blog também será dia de feijoada. Feijoada do Amigão. Com ingredientes diversos fornecidos pelos amigos da turminha do amigão (Links no lado direito da página). O melhor da semana na blogosfera."

Promessa é dívida! Pois o Amigão prometeu e está cumprindo até hoje. E ai que não tenha feijão na quarta-feira! O pessoal já começa a bater com os talheres nos pratos e começa o forrobodó: "Queremos feijão! Queremos feijão!"

Nas quintas-feiras o Amigão conta Histórias. Acho que ele vai juntar uma quantidade grande e depois vai lançar um livro. É isto, Amigão?

Na sextas-feiras o amigão não faz nada (ou é isto que ele quer nos fazer crer). Quem escreve é a dona Maria Elite, baiana arretada, que cumpre as funções de diarista (além de alter-ego) do Amigão.

No sábado e no do domingo aí é que o Amigão não faz nada mesmo. É hora dele descansar. Neste fim de semana eu é que fiquei cuidando do disputado Sofá vermelho da casa dele, pois o nosso Amigão me convidou para escrever sobre o segundo aniversário do blog.

Até aqui não havia recebido prova de estima tão impressionante, nem honra maior na vida virtual. Muito obrigado, Amigão, pelo carinho e pela consideração que demonstras com este convite!

O presente:

Não, pessoal, não é aquele embrulhinho bonitinho com fita por fora e uma lembrança dentro. Eu falo é do dia de hoje. "A Turma do Amigão" é um dos blogs mais festejados da blogosfera! O Amigão, um misto de paizão e irmãozão de todos nós, demonstra sempre um carinho extraordinário pelos amigos, está sempre pronto a estender a mão, para ajudar e para conciliar, fazendo tudo ao seu alcance para manter a união da família. Grande Amigão! Meus mais sinceros parabéns pela data e pela conquista! Todos nós sabemos o quanto custa manter um blog ativo.

O futuro:

Desejo que o teu blog tenha uma vida longa, recebendo as visitas de cada vez mais parceiros que passem a fazer parte, assim como eu, desta imensa família que, apesar de nunca terem desfrutado da alegria de conviver na dita vida real, jamais precisaram disto para se chamarem de (e se tratarem como) amigos!


Aí estão, Amigão! Dois posts pelo preço de um. (rsrsrs)

Felicidades, meu amigo!

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Eu sei que tá todo mundo querendo saber o que aconteceu com o Janderson, depois daquela palhaçada que ele fez com a nossa aliança de noivado. Eu ia contar tudo que aconteceu pois ele apareceu com outra versão mais maluca ainda. Mas o meu patrão hoje tá impossível. Quando eu cheguei aqui hoje ele estava me esperando com uma lista de tarefas. Além de um monte de post its, com recados pro filho e outros duzentos recados pra mim, colados no armário.
- Isto são horas Elite?
- O ônibus quebrou patrão e teve um acidente na Zona Leste.
- Elite você mora no Cocaia esqueceu? O que tem a ver o Cocaia com a Zona Leste?
- É que eu fiquei vendo na TV as imagens do acidente e por isso me atrasei.
- Tá bom, senta aí que eu tenho umas tarefinhas pra você. Elite, é tempo de mudanças. Mudanças pra casa nova, mudanças no blog e vamos trabalhar que eu não te pago pra ficar puxando meu saco nem pra ser minha terapeuta. Aliás, minha terapeuta está de férias.Alguém ligou ontem?


- Patrão, o seu Urbano ligou e já confirmou a presença amanhã no sofá. Será que a dona Du vem também?


- Acho que sim Elite, agora onde um vai o outro vai atrás. Mas se ela não aparecer talvez a gente se encontre em Florianópolis no carnaval. Se o Urbano deixar né?
- Eu também vou patrão?
- Lógico que não. E a Nana mandou notícias?

- Ela disse que arranjou um louco que deu emprego pra ela. Tá sem tempo até pra aparecer no próprio blog dela. Acho que não vem não.
- E a dona Juliana, ?

- A dona Ju, disse ontem que talvez não apareça e que talvez até feche o blog. O senhor sabia que ela é figurinista de um filme, patrão?
- Lógico que sei Elite. É por isso que ela disse que vai fechar o blog. Mas não vai fechar não.O blog é a vida dela. Duvido que feche. Bem...eu vou ficar muito triste se ela fechar.

- Ah, patrão, o “seo” Phernando, também ligou. Ele mandou dizer que está em dívida com o senhor e vai sim visitar o sofá. É o senhor marcar. E mandou dizer também que ele e o Marcelo não são a mesma pessoa, casseta!
- Olha a boca, Elite!
- Foi ele que disse, patrão.
-E a dona Suzi ligou?

- Ah é, ligou sim. Ela disse que já que o senhor que não vai ao Rio, ela vem a São Paulo e vai trazer as duas canecas.
- Ela disse duas?
- Sim, ela deixou bem claro que são duas. A caneca do “fantasma da ópera” é pro senhor esquecer. Ela ainda é capaz de postar umas fotos da caneca, só pra matar o senhor de inveja.
- hehehehehe, falando nisso, liga pra Monica e pede uns litros de leite, pra amanhã.


- E a Vó RO, hein, anda sumida né?
- Nunca mais ligou patrão.A dona Lorena, a dona Camila também sumiram. Eu vou ligar pra elas.
- Mas não fala muito, hein? Não esquece que é interurbano, Fortaleza, Campinas e Interior de Minas. Economize que estamos em crise.


- Patrão outro dia ligaram duas moças, lá de São Luis, quem são elas?

- Ah, Elite, são amigas da Luca. Lembra da Luca? Aquela que veio aqui quando estava no hospital fazendo a cirurgia?

- Ah, lembro sim patrão aquela maluca que viajou 53 horas de ônibus né? Mas patrão, estas amigas dela escrevem bem, né?
- É sim Elite, é a Louca da Casa e a Debora, logo, logo estarão aqui no sofá, se Deus quiser.
- O senhor viu que a dona Cris, aquela americana que veio aqui, deixou um recado legal. Ela disse que é fã do seu blog e que passa todos os dias aqui nem que seja pra ver só o banner.

- Mais algum recado?

- Não patrão. Esta semana o senhor teve poucos recados. Só a dona Suzanna, que mandou dizer que ama o senhor, muito, muito, muito.



- Tá bom, rsrsrs, depois eu ligo pra ela. Escreve um bilhete pro Leandro, pede pra ele aparecer também.

- Elite, liga pro Everton e pergunta porque ele anda tão sumido?

- E não esquece de convidar o Lucas e a Drummer também, viu?

- Caracas, Elite, já ia esquecendo do Juca, este é outro que anda sumido. Liga já pra ele. Onde tá fone dele? Tá naquele papelzinho ali dentro da caneca. Não existe festa sem o Juca.

Bem hoje o patrão encheu o o saco. Mas já passei todos os recados para o meu patrãozinho vou trabalhar.É dia de limpeza, de arrumação e de preparação para o sábado do amigão.
A dona Suzanna, vai me ajudar a limpar tudo aqui. Mudar os móveis, trocar algumas coisas de lugar. O “seo” Moiza avisou que vem também dá uma mãozinha aqui no sofá amanhã.
O patrão mandou dizer que pode mexer em tudo, mas os banners novos é o “seo” Nando, amigão dele que vai fazer.

Maria Elite...quando não tem o que fazer fica olhando os álbuns de fotografias da Turma do Amigão. Não deu tempo de ver até o final, faltaram algumas fotos pois o dever a chama.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____