terça-feira, 15 de julho de 2008



Este post começou numa conversinha no MSN com os blogueiros que formam a “panela de sábado”. Estávamos conversando quando surgiu o papo de novela. "A Favorita".

Eu só assisto a novela às segundas e terças, porque depois eu me perco durante a semana, mas do que assisti até agora nesta novela, me impressionou a música de abertura.
É um tema muito bonito que “dá vontade de sair dançando pela sala, não é Nana?”.
Vem dançar comigo...
Vamos dançar...

Na versão original, o tango "Pa Bailar" , tema de abertura de "A Favorita", tem mais de quatro minutos. Bastou um quarto desse tempo, repetido seis vezes por semana para uma legião inteira de pessoas românticas saírem dançando por ai.



E como uma coisa leva a outra,e ninguém quer dançar sózinho né? Então são dois pra lá, dois pra cá, acabei me lembrando de “perfume de mulher” um dos filmes mais bonitos que já assisti e que está entre os meus favoritos.

"Frank Slade (Al Pacino) é um tenente-coronel cego, que resolve viver um final de semana inesquecível antes de se suicidar. Ele contrata Charlie Simms (Chris O'Donnell) como acompanhante para sua viagem à Nova Iorque, onde começa a se preocupar com os problemas pessoais do rapaz."

Quem nunca se imaginou dançando esta linda música? Quem vai dizer que esta cena não é linda? Quem vai dizer que nunca esperou que “alguém” transformasse um simples jantar em uma noite maravilhosa.... ?

Eu não sei dançar, troco uns passos errados e acabo desistindo mas os poucos momentos que teimo em acertar já são suficientes pra sentir o quanto há de magia nisto.

Sim, é um momento infinito, é como se o mundo parasse e só existisse a gente, flutuando como se cada passo nos levasse a uma viagem pelo mundo da música, da seduçaõ, do corpo, da alma, do encantamento.Dançar é viver, é ser feliz, é sentir a vida latejar no peito e te levar ao êxtase absoluto sem te pedir nada em troca.
"Dançando assim, eu tenho você nos meus braços. E posso sentir seu corpo macio. Seu peito desse jeito, apertado no meu peito. E seu rosto colado no meu convida a dizer, coisas que as outras pessoas não devem saber"
E você suspira: "Que bom se esta música não terminasse jamais..."

Soa até nostálgico e nos remete aos tempos em que a gente trocava cartinhas de amor, sentia a pele vermelha e as mãos tremendo.

Nos tempos em que os cavaleiros perguntavam as damas:
- Concede-me o prazer desta dança?
E muitas vezes, antigamente, os casais certos casais, casavam-se por amor e continuavam apaixonados até o fim da vida.
Alguns pelos mesmos pares.



Agora melhor que isto, só se você morasse em um lugar chamado Notting Hill e de repente abrisse a porta e lá estivesse a Júlia Robert, ou Hugh Grant (pode escolher). Mas este é assunto pra outro post.

9 comentários. Clique e deixe o seu!!:

NANDO DAMÁZIO disse...

Tá romântico, hein, Amigão ..
Eu não vejo a novela, mas sempre ouço a música tocando na sala, e acho muito legal mesmo !!

A citação dos filmes veio a calhar, também me amarro neles !!

Abração !!

NANA disse...

kkkkkkkkkkk...
Eu não ia deixar nosso tango passar em branco. Tinha pensado em pedir pro Moiza um cartun da gente dançando, mas aí cê foi mais rápido e falou na minha frente...

E agora, é só aparecer a chamada da novela que lembro de vc. =D

Beijos

Katia disse...

A amigao show de bola a musica de abertura da novela msm!!
fiquei imaginando vc e a nana dançando^^

e o filme sem palavras pra ezplicar
é uma linda cena sim

Tenha um bom dia amigão
bjus

Katia disse...

Explicar*

vo apagar esse ai de cima naum pq ia ficar feio com comentario excluido !!!

Quero ver a charge que a nana disse ai em cima!! hehehe

agora fuiii

Du disse...

Sim, é um momento infinito... e não me canso de ver a cena desse filme! Viajei no tempo agora... Lindoooooooooooo!!!!

Beijo!

Juliana Freitas disse...

Essa música no Perfume de Mulher, "Por una cabeza", do Galhardo (interpretada por Piazzola) tem história pra contar... pelo menos pra mim tem!!! \o/

Lorena disse...

Eu não sou tanto assim de dançar, mas confesso que às vezes é muito bom! Gosto quando o parceiro sabe levar, você se deixa solta nos braços dele feito uma boneca, só acompanhando o seus movimentos... Ou quando não sabe mas tenta, com afinco e bom humor, e vocês acabam se divertindo com os erros e os pisões, e no final das contas a dança sai a seu modo...

Ah, Amigão, eu também sinto falta dessa época em que os homens tiravam as mulheres para dançar, mesmo nunca tendo vivido ela! Hoje em dia não sei se eles têm medo de uma recusa, vergonha ou se não sabem dançar, sei lá... Mas é triste ir a uma festa, ver vários casais de namorados ou casados dançando, e ficar sentada chupando o dedo, né? (tá, vc nunca passou por isso, mas eu afirmo que é!)

E tango eu nunca dancei... Mas queria experimentar um dia. =)

beijos!!

Rui Carlo disse...

Dançar é muito, muito bom mesmo amigão,,, ultimamente tô meio pé de valsa... e fazendo sucesso (KKK)
Mas percebi que vc tá entrando numas de carência, véi
Vê aí, toma cuidado, enão logo aparece uma mina pra ocupar teu coração... aí, nego... cê dança (KKKKK)
Mas amar é bom

Ju Pietra disse...

Ahhhh eu amei isso aqui! Aonde eu estava que não vim parar aqui antes??!hehe

Parabens amigao, é um lugar pra voltar td dia.
abçs
Ju

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____