sábado, 29 de março de 2008

Traumas de infância

Convidada de hoje: Du (a dona do Norte)

Quando eu tinha nove anos de idade, aconteceram dois episódios que foram marcantes e traumáticos na minha vida. Sofri dois ataques de dois bichos diferentes - uma lagartixa e um gato. Aí você diria que lagartixas não fazem mal a ninguém e que são úteis, pois comem insetos! E os gatos... bom, a maioria das pessoas que eu conheço adora gatos...Vou contar...
A lagartixa
Eu morava num apartamento térreo e as lagartixas pareciam fazer parte da decoração das paredes, existiam aos montes, eu as via até como companheiras. Um dia uma me irritou porque não parava de correr de um lado para o outro, então eu peguei uma vassoura e resolvi matá-la! É claro que eu ainda não tinha medo delas... Então num golpe só eu parti pra cima dela, cheia de más intenções. Não é que a bichinha quis se vingar da minha atitude? No mesmo instante em que eu dei a paulada, ela pula pra cima de mim e fica grudada no meu braço (aquele troço gelado, pegajoso e me olhando com aqueles olhinhos inquisidores...arghhhhhhh). Fiquei em estado de choque, larguei a vassoura e comecei a gritar até todo mundo correr na minha direção achando que algo terrível tinha acontecido (ué, e tinha mesmo!). Desde então não posso nem ver uma lagartixa sem que meu coração fique "gelado". Acho que aprendi a respeitá-las.


O gato

Acordei às duas da manhã com vontade de ir ao banheiro, e na casa onde eu morava dessa vez (sim, eu me mudei no mesmo ano para uma casa) o banheiro ficava na rua, quer dizer, fora da casa...aff, como vou explicar isso? Mas deixa pra lá, o fato é que era na rua. Então quando eu abri a porta do banheiro para entrar, tudo escuro, só vi dois olhos brilhantes em cima da pia! Como não passou pela minha cabeça que pudesse ser um gato, eu comecei a gritar (de novo) como uma desvairada! Nisso o bichano pula em cima de mim (com certeza assustado comigo), me arranhando toda a ponto de eu ficar com o rosto sangrando! Além de acordar meu pai e meus irmãos, acordei toda a vizinhança com meus gritos histéricos!
Agora eu pergunto, como não ficar traumatizada depois disso?
Tá bom... Eu tenho um medo real desses bichos, pânico mesmo, confesso!
Será que isso me torna uma maluca? Talvez sim, talvez não...
O que foi?
Você nunca teve medo de bichinhos indefesos na vida?
Aff...(abafaaaaaaaa!!)




Du, escreve AQUI todos os dias. O Norte é um blog muito gostoso de ler. E tem toda meiguiça da dona que segunda ela mesmo se define é um tipo de pessoa que fala sozinha e muitas vezes nem percebe o que diz. Que AMA escrever, que é apaixonada por música e fotografia, que é louca por cinema, devoradora de livros e fascinada por experiências culinárias... Do tipo que adora as pessoas e adora estar só. Aquela que tem resposta para todas as suas dúvidas mas insiste em não ver as próprias.... Alguém que gosta de se esconder por trás de um sorriso; que se perde nos pensamentos e principalmente nos sentimentos... É uma pessoa que sabe o que quer mas quando tem não sabe o que faz. Alguém que só quer sossego mas opta por caminhos turbulentos. Que gosta de espaço mas que adora um abraço sincero.

Du com que alegria recebi você aqui hoje.Muito obrigado mesmo. E ela ainda nos brinda com mais este texto no post abaixo. Ê sabadão hein?

26 comentários. Clique e deixe o seu!!:

NANDO DAMÁZIO disse...

Huahauhaua .. Tá explicado então, Du, a sua ojeriza de bichanos .. Eu gosto deles !!

Quanto à lagartixas, não chego a ter pânico, mas não gostaria de sentir uma andando em cima de mim ..

Já eu tenho medo de Louva-Deus !!

NANDO DAMÁZIO disse...

Será que eu escrevi Louva-Deus certo ??
Ah, aquele bichinho verde, vocês sabem !! =/

Suzi disse...

tá.
e quem nunca viveu episódios assim e tem, igualmente, trauma de gatos, cachorros, lagartixas e baratas??

na boa? até formigões me assustam. tanajuras, então...
ui!

___
nando, acho que é "louva-a-deus"; eu acho.
;o)

Du disse...

Amigão, me desculpe! Tive que fazer uma viagem de urgência e só agora li teu e-mail. Ia responder lá, mas resolvi vir aqui primeiro pra ver se você tinha conseguido colocar as imagens, vi que sim! Adorei ter sido convidada para estar aqui, viu? Muito obrigada, de coração!
E como tá todo mundo estranhando minha ausência lá no Norte, vou já já colocar um link de direcionamento pra cá!

Beijão

thatiane disse...

eu só tenho medo de sapo...........
bjx Du.

Éverton Vidal disse...

Carai Nando!

Tenho horror a Louva-Deus ahuehau, eu ia falar isso. Mas eu sou macho (o/ :P) e ataco primeiro, mato todos os que aparecem pela frente numa batalha sangrenta de vida ou morte (nem tanto).


Du eu ri a beça!!! Mas coitado do gato e da largatixa (vc pensou que fiquei com pena de vc é? =P). Adoro ler o Norte.

Amigao um abraço pra vc também brother. Uma grande idéia essa aqui.

Inté!

NANDO DAMÁZIO disse...

eeeee, maneiro !! \o/

Finalmente econtrei mais um esquisito que tem medo de louva-deus (ou louva-a-deus) !!
Achei que essa nóia fosse só minha .. :P

Osc@r Luiz disse...

Pois eu gosto de lagartixas, sapos e afins. Meu "pobrema" é com abelhas, marimbondos e coisas do gênero.
Senhor Amigão,
Fez uma belíssima escolha em ter a Du, por aqui e te digo: eu também gostaria de ter uma "exclusiva" com esta celebridade blogosférica, mas você chegou na frente e tem seus méritos.
Diria mais, temos pelo menos uma dezena de amigos em comum o que denuncia o seu extremo bom gosto (hahaha!).
Obrigado à Du pela oportunidade de conhecê-la melhor, e se você, Amigão, tiver a curiosidade de conhecer os meus mundos virtuais, seja sempre bem vindo. Suas credenciais já estão na sua lista de amigos.
Um beijo à Du e um abraço a você!

Cidão disse...

Sou um amantes dos felinos!!! Espero que você não tenha medo de mim, porque eles e eu temos algo em comum... ;o)

Tenho uma prima que tem pavor de lagartixa... não pode ver uma, fica histérica e grita demais!

Um bicho que me assusta é a barata. Especialmente quando elas voam... Aí entro em pânico!!!

rick galdino disse...

Não tenho medo de lagartixas... mas imagino a sensação de "Algo gélido e pegajoso" -

Ecat... Qualquer um ficaria traumatizado com isso!

A história do gato é um tanto qto inusitada... eu também já morei em uma casa onde o banheiro era externo... e acontecia de assustar-me com os nossos gatos... mas nunca me ocorreu um ataque destes...

haushuahushas

abraços!

NANA disse...

Minha diz que eu a única c/ medo de lagartixa! Vou mandar ela ler esse post!
Outro dia eu queria dormir na sala (sabe como é? Cheguei c/ preguiça e queria ficar por lá mesmo), mas quando olhei pro teto, tinha uma enorme me olhando. E aquilo andando é muito esquisito né? Aí arrumei disposição e fui pro quarto.
Quanto aos gatos, eu tenho pavor idem. Desde os 5 anos quando um preto que minha avó tinha pulou em cima de mim na rede. Me arranhou pouco, mas o suficiente pra ter pânico até hoje. Acho até bonitinho, mas o medo fala mais alto.
Bjs.!

Rogério disse...

Duzinha querida, arrastando multidões por onde passa!

Tenho medo, mas não chega a ser fobia de cachorro, episódio parecido com os seus, transitar tranquilo pela rua e ser atacado por um bando... se eu ver um cachorro atravesso a rua....

Apenas "eu" Luis felipe ! disse...

o unico bicho que tenho pavor e do tal do ornitorrinco azul com dois rabos... rsrsrsrs. fui.

Cristiane Fetter disse...

Menina, que coisa ein?
Mas pelo menos o seu medo é por terem acontecido coisas reais e eu que tenho pavor de entrar no mar onde tem peixes. Vou explicar melhor.
Naquelas praias fantásticas, limpas e que pequenos cardumes (de pequenos peixes) que ficam na beira na água, quando eu entro no mar (pode ser com a água batendo no joelho) e sinto os peixes passando pelas minhas pernas, me dá um nervoso, uma coisa inexplicável, uma vontade de sair voando, fico toda cheia de faniquitos, chega a ser engraçado.
Não tenho medo do mar, o respeito.
Como peixe sem nenhum problema, desde que eu não veja seus olhos (aliás de nenhum outro animal que eu coma que se resume a frango, porco e boi).

É cada um com seus medos.

Beijocas

Grande idéia amigão.

Amigao disse...

Amigões,
Obrigado por prestigiarem o sofá do amigão.

Du, sensacional sua visita.Muito obrigado mesmo.

Beijos e abraços!

Em Construção... disse...

Oi LInda!
É por aqui que vc está ?Não entendi direito rs]
Então sou eu mesma na foto , só q mudei aquela ...rs
Aliás vc poderia me dizer qual q ficou melhor com a poesia;;;
Bjus
SAUDADES

Agda Gabriel disse...

Dia desses ao fechar a janela do meu quarto uma bichinha dessas caiu direto na minha cabeça...eu fiquei gelada, com o coração disparado...foi o susto...Isso traumatiza mesmo! Abraços

Du disse...

Eu é que agradeço, Amigão!

Beijão

disse...

Oie...minha lindinha!

Eu também tenho medos e são muitos.
Mas o que mais me da medo é de aguas profundas, tipo mar mesmo.
Quando fui ano passado viajar com meu marido de navio, quase morri, mas tive que enfrentar pois não queria estragar um sonho dele.Mas o de barrata é horrível deve ser a mesma sensação que o seu de lagartixa ave que meda.
Beijos minha lindinha, to esperando por vc no norte volte logo e tenha uma boa estadia.

Andressa Durán disse...

Só vc mesmo pra ter medo de lagartixa, nojo tudo bem eu até entendo mas panico, hahahaha
Dos gatos tudo bem, mas vc tb tinha que assustar o coitadinho, eu aposto que se ele pudesse ele tb iria escrever num blog pra contar o trágico encontro com vc!!!
Bj Du

Lelo disse...

Nossa, medos, eles nos perseguem e aproveitam qualquer brecha pra nos colocar.... medo. Mas eu não tenho medo deles, eles só servem pra nos proteger do que julgamos inapropriado. Às vezes sua função é exercida além do restritivo, permeando nossos limites e criando paradigmas. Cabe a nós distinguir o que é medo e o que é paradigma, para tirarmos o melhor proveito disso. Imagine se não desenvolvessemos o medo de altura, a quantidade de baixas entre donas de casas e empregadas de apartamentos, querendo dar aquele lustre nas vidraças... Filtre os medos desnecessários e seja feliz \o/ !!! (na teoria é mole...)

Adriana disse...

Du, querida amiga!!

Tirando seus traumas de infância (para mim, nenhuma criança deveria ficar traumatizada, afinal, levam-se esses problemas muitas vezes para a vida toda..) eu adorei seu texto! Bom, não tenho problemas com nenhum dos bichinhos que vc falou aqui, pelo contrário, eu gosto. Meu problemas mesmo é com baratas... Não consigo nem ficar no mesmo ambiente se estiver alguma.. Aff.. Sei lá, é um misto de medo e nojo.. Quase pânico. Enfim, fico paralisada, não consigo fazer nada, só gritar pela pessoa que estiver mais próxima! Hehe.. É.. Cada um com suas manias!...

Beijos!!!

Áurea disse...

Querida Du,
Gatos não são o meu forte, nunca foram, gosto mesmo de cachorros, em especial da Meg Regina, quanto a lagartixas, não tenho medo chego até a ter um pequena simpatia pelo fato de elas comerem baratas. Como a Adriana tenho um "misto de medo e nojo", sempre que vejo uma, se não tiver um inseticida perto chamo meu marido, ou elas não morrem. Morro de nojo só de pensar em matar uma.
Muito legal sua entrevista.
Amigão você está de parabéns. Seu espaço é muito legal e sua entrevistada é um sucesso!
Grandes beijos,

Juliana Freitas disse...

Eu tenho medo de vaca e de galinha... As vacas ficam olhando pra gente sem parar, parecem que lêem nossos pensamentos, e galinha, bem, uma vez uma correu atrás de mim por quilômetros!!!

Eu tenho um gato, a Ana Júlia, e uma lagartixa, a Maria Fernanda! =)

Mylle Li disse...

Com certeza são experiências traumatizantes, mas além disso: muito engraçadas!
Bjos Du!
Abraços Amigão!

Anônimo disse...

Nando e Everton
Eu achava que eu era O unico maluco com panico de Louva-a-Deus.
brother desde criaça as pessoas mais velhas falavam que era venenoso e que se fosse picado a pessoa secaria a té morrer.
hoje é claro eu sei que não é verdade... mas mesmoa assim. continuo com medo deles... antes eu até matava todos que via agora parace que o panico cresceu, hoje eu saio correndo pago o maior mico. caraka veio fico meio envergonhado pq tipo sou um cara de 23 anos... (MACHO)com medo de um insetinho desses. ja tentei superar isso mas nao consigo... a sorte é que eles não são tão comuns quanto as baratas e borboletas que agente ver com frequencia por aeew...
abraçaum!!

adan_oli@hotmail.com

nao sou o unico louco!!! kkkk

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____