sexta-feira, 7 de março de 2008

Eu não gosto de ....

O amigão do blog Fala,garoto, deixou esta pergunta na seção dos comentários: "Me fala uma coisa, do que você não gosta?"
Logíco que não vou dar uma aqui de certinho e dizer que não há nada que eu não goste e que eu gosto de tudo.Mas a verdade verdadeira é que as coisas que eu não gosto simplesmente não me incomodam. Eu não gosto de pizza de atum. Então tudo que eu não gosto eu digo: "Isto é como pizza de atum, não ligo"
Não gosto e simplesmente não aceito pessoas que entram em depressão com uma facilidade incrivel.Meu pai costumava falar que "depressão" é coisa de rico que não tem o que fazer. Crise existencial então é o cumulo da viadice."
Não gosto de pessoas que respondem um bom dia com a frase "Bom dia? Só se for prá você!". E aquela famosa frase: "Meu santo não bate com o santo de fulano".Como? Como pode um santo não ir com a cara do outro se são santos? Ridiculo. "Aquela pessoa nunca me fez nada mas eu não vou com a cara dela" ( ????????) um dia vou querer entender esta frase, juro.
Também não gosto de ter que escolher, experimentar, conversar com vendedores de lojas. não gosto de carregar sacolas de shopping. Não gosto de recibos, etiquetas, marcas, cabides, zíperes, botões, lapelas. Não gosto de R$ 1, de desconto. Não gosto de " mais 50% grátis" e Não gosto de carregar trouxas de roupas para a lavadeira.
Eu já usei terno, na igreja e no trabalho. E acho o terno legal nos outros, bonito até.Mas em mim, eu acho rídiculo. Se o mundo valoriza quem se veste bem...chi..me fudi.
Eu não tenho nenhum par de sapatos, nenhuma calça social, nenhuma camisa social. Não vou à casamentos porque me recuso ir numa loja comprar roupas. Em compensação eu tenho um monte de camisetas, um monte de calça jeans e um monte de "All Star".Por que estou dizendo isto?Sei lá. Mas não há nenhuma intenção em dizer que sou um cara despretencioso, ou que não sou moderno, ou que caralhos a quatro seja lá o quê. O que digo é que eu, e você não precisa concordar comigo, escolhi este estilo de vida. É o que eu sou.
A grande notícia que eu tenho para voces neste post é que "viver é não ter vergonha de ser feliz". Feliz com o que se tem. E não passar a vida inteira procurando caixas para guardar detalhes, roupas e objetos que deveriam ser doados mas ficam eternamente guardados. Tente mudar. Tente gostar mais de tudo. Ou tente não "não gostar de nada". Ok, a minha listinha de "não gosto" é um pouquinho grande.E ainda bem que é bem bobinha....né? É praticamente uma pizza inteira de atum.
Talvez você tenha se assustado com alguns palavrões que soltei aqui e ali mas nenhum destes palavrões pode ser comparado ao "Eu odeio!". Tente nunca falar esta palavra. Esta sim é uma das palavras mais mais pornográficas que conheço.
Eu acho, que "pirei na batatinha" ... mas é isso aí...um vendedor de flores.....
Vou voltar agora para a minha declaração de IR que estou tentando fazer desde ontem, só pra saber quanto vou receber de restituição para minha próxima viagem.
"Dêem-me o supérfluo da vida, que eu vivo muito bem sem o essencial"



Foto da Tatiana

9 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Suzi disse...

definitivamente, eu não estou conseguindo tempo para ler todos e integralmente seu posts divertidos e profundos. mas vim aqui agora, depois da bronca que ganhei em rede mundial.

_____
quanto a este post,
eu acho que cairia bem eu dizer que quando conheci você, você era tão simples e bem-humorado como continua sendo. e isso, cara, eu vou te dizer: é um elogio e tanto, se você não sabe.
e eu gosto disso.

do que não gosto?
sempre bobeiras, também.
"pequenas coisas nos consolam porque pequenas coisas é que nos afligem".
simples assim.

bj!

"Dêem-me o supérfluo da vida, que eu vivo muito bem sem o essencial"
gostei muito disso, também. se eu tivesse organização, naquele blog, e um dia da semana fosse pra publicar um resumão da semana de todos, eu meteria essa, na certa.

(perdoa-me por estar ausente)

NANDO DAMÁZIO disse...

Claro que não é possível gostar de tudo nesse mundo .. Eu também tenho minha listinha de coisas que não gosto, mas também não sou de sair por aí proclamando que odeio isto ou odeio aquilo !!
Gostei, amigão ..

Interessante !! =P

NANDO DAMÁZIO disse...

Amigão, não sei se você já sabe disso, mas naquele texto que você achou interessante, você é a palavra "maçãs" !! :D

Éverton Vidal disse...

Velho... o texto é phodástico... eu também sou assim.
Quanto às crises existenciais rsr eu já tive kkkk

rrtigor disse...

ah amigão eu não curto gente generalista...

Sabe so pra constar, a superficialidade ja foi pensada em belas palavras por um artista ( por sinal a Bicha mor das artes literarias) Oscar Wilde, é dele a célebre frase: "A mim dai-me o supérfluo, que o necessário todo mundo pode tê-lo." e tantas outras frases sobre superficialidade que rondam a nossa cultura ocidental, e faz a gente repensar sobre o que realmente é a superficialidade, mas amigão, superficialidade como prazer ja foi pensada por ele em 1850...ate aqui nada de novo...rsr

Otima releitura de Oscar Wilde...

mas, ate aqui nada de novo...
abração

Du disse...

O que você falou sobre o "eu odeio" é a mais pura verdade, é o maior palavrão! Nunca me senti á vontade usando esta expressão e sempre a evito, tanto que quando eu tinha Orkut, nunca entrava em comunidades que começassem com "eu odeio", isso tem as pencas lá! Também existem várias coisas que eu não gosto, tipo fígado de galinha ou língua de boi (ECA!), falando nisso, se tem uma coisa que me irrita profundamente é alguém falar que não gosta de uma comida sem nunca ter provado!
Ou então ter que enfrentar qualquer tipo de fila, meu Deus, filas me deixam em pânico!Também não gosto de despertador de qualquer tipo, tenho o sono muito leve e gostaria muito de dormir até enjoar, mas, ser pobre é foda, a gente TEM que trabalhar!!
Não gosto de sentir calor demais, não gosto de andar de salto...
Crises existênciais eu também já tive, aliás, quase todos os dias, mas isso não faz com que eu perca o bom humor!
Por isso tudo aí, é que eu adoro All Star e havaianas!
Tendeu? Nem eu...

Beijos

Suzi disse...

amigão, vou tentar bater meu recorde, também. rsrsrsrs
a minha tia, na escola, me ensinou que superficial, geral e supérfluo não são sinônimos.
d.vasty 'tava errada??????

Fala, Garoto! disse...

Fala, amigão! Lendo este post, agora compreendo a sua lista anterior sobre "as coisas que você mais gosta". Certamente, muitos passam a vida questionando, reclamando e se martirizando.
Percebo em você um lado exemplar de ver a vida com bons olhos, viver os bons momentos e superar desabores com bom humor, deixando de lado aquilo que não lhe agrada.
A minha pergunta (ignorante) foi respondida com categoria e exatidão. Mais do que um texto, uma lição de vida. Abs do garoto!

Rui Carlo disse...

Eu não gosto de responder perguntas que não gosto de responder, por isso não respondo, e não gosto do "Odeio isso ou aquele" isso é mostrar ocacidade craniana, coisa que também não gosto, mas àsvezes é melhor uma pessoa cabeça-oca que um cabeça de merda...
Gosto de rir, por isso venho aqui... seus textos fazem bem às almas humanas...
Seja leve, que nada será pesado

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____