quinta-feira, 13 de março de 2008

Se você tem menos de vinte anos de idade não sabe muita coisa sobre Chico Anysío mas lembra que ele era o Professor Raimundo da Escolinha, sim aquele que terminava o programa com a frase "e o salário ó!". Mas se tiver mais que vinte então você é daqueles que assistiu "Chico Total", "Chico City" e "Chico Anisio Show".
Francisco Anysio de Oliveira Paula Filho é cearense de Maranguape. É um humorista, ator,escritor , pintor.Nasceu em 12 de abril de 1931.

Cresci assistindo Chico e dando gargalhadas. Na época o Jo Soares tinha um progama parecido com o dele. E havia aquela competição de quem era o melhor Chico ou Jô. Eu preferia o Chico.Sempre preferi.Criou mais de 300 personagens.Entre eles, o Azambuja, um malandro carioca que usava o bordão "to contigo e não abro". Apolo, que era casado com uma ninfomaníaca :"Eu ainda morro disso". Haroldo Hétero, um homossexual de passado alegre que agora tentava se "converter" mas tinha uma amiga que ficava insistindo "Solta franga, Haroldo!" e ele repetia "Eu sou hetéééro".
Bento Carneiro era um vampiro brasileiro caipira e desajeitado.Tudo que fazia saia errado e no final do quadro olhava para a câmera e dizia: "Não creu n'eu, sinfinô-se. E prá quem rir de mim, minha vingança sará malígrina.Póic" Bozó o funcionário da Rede Globo que tentava impressionar as moças com o bordão: "Eu trabalho na Globo, tá legal?". Até hoje quem trabalha na Globo é chamado de Bozó.

Justo Veríssimo, o politico corrupto que odiava pobres "Eu quero que pobre se exploda".


Tim Tones, pastor evangélico que começava os sermões assim " Que a graça de Tim Tones esteja em todos os lares... Podem rodar a sacolinha"
Ele mesmo escrevia, dirigia e criava os personagens.Era de um tempo em que tudo que se fazia na TV era gravado e apresentado à censura antes de ir ao ar. Sempre amparou os seus amigos. Quando já estava indo para a geladeira na Globo, teve uma proposta irrecusável para mudar-se de mala e cuia para o SBT.Não foi. O SBT só queria e ele."Eu queria levar os meus velhinhos também", disse referindo-se aos humoristas que trabalhavam com ele na Escolinha do professor Raimundo.
Não lembrava de muita coisa do Chico Anysio, por isso fiz a pesquisa no Google. E foi no Google que descobri que ele escreve um blog diáriamente.Dei uma fuçadinha por lá. Chico tem uma empregada que cuida da casa dele.Mulher muito simples, fala um péssimo português. Por isso ele estava pensando em contratar uma pessoa para lhe dar umas aulas de português mas acabou desistindo:
"Hoje eu perguntei pra ela se tínhamos laranja em casa e ela me respondeu:
- Tem. Quer que casca? Eu casco uma pro senhor comer.
- Não. Deixe que eu descasco.
Eu falei o 'descasco' frisando, ensinando para ela. Mas ela, quando eu falei o meu educativo 'descasco', me olhou e deu um risinho. Aquele risinho de quem está com pena de quem não sabe falar direito, sabe?No caso o errado era eu. Então eu lembrei que o que é realmente importante não é o que ela fala e, muito menos o modo como fala. O que tem importância capital é o seu bacalhau à espanhola, sua rabada com agrião, sua dobradinha com feijão branco e acima de tudo e antes de tudo: a delícia de feijão que ela faz. Na semana passada eu levei uma patota da Globo pra comer a feijoada dela.Sabe de uma coisa? O pessoal adoraram."
Também no blog eu descobri que o Chico está andando de cadeira de rodas.Tem um enfisema:
"Pelo tanto que eu fumei, poderia ter sido um cancer e eu já teria morrido.Dos males que eu merecia pela enormidade de cigarros e charutos que eu fumei, apesar de ter parado há 22 anos, o que de menos pior poderia me acontecer mesmo era ter um enfisema".
Lógico cometeu alguns erros, algumas coisas que nós condenamos e também fazemos.Você pode comentar que não gosta dele. Mas o respeito pelo ser humano, sua luta e pelo seu maior personagem, ele mesmo, já é um começo.
"...Mundo medíocre. Milionários montam mansões magníficas: melhor mármore, mobília mirabolante, máxima megalomania, mordomo, mercedes, motorista, mãos… Magnatas manobrando milhões, mas maioria morre minguando. Moradia meiágua, menos, marquise.
Mundo maluco, máquina mortífera. Mundo moderno, melhore. Melhore mais, melhore muito, melhore mesmo. Merecemos. Maldito mundo moderno, mundinho merda." ( parte final do monólogo em M de Chico Anisio)


Para ler o blog do Chico, clique AQUI

11 comentários. Clique e deixe o seu!!:

Suzi disse...

adorei este post, amigão.
lembrei dos programas, bordões, personagens...
e lembrei que o chico tinha caído no meu conceito quando casou com a zélia cardoso de mello.
mas passou, né? "aos loucos e aos que amam, tudo se perdoa".
gostei de saber do blog; mas um para eu querer e não ter tempo de ler... rsrsrsrs
mas vou fuçar lá, este fds.
também não sabia da cadeira de rodas. e legal, ele não se fazer de coitado, reconhecer que contribuiu para isso. mesmo assim, não queria vê-lo cadeirante, como não queria que ninguém, no mundo, tivesse limitações físicas, mentais... mas isso é papo pra um post e não pra comentário, né?

;o)

bj!

NANA disse...

Tenho 24 anos, na época era criança, mas me lembro da maioria dos citados no post. Ainda ontem falava do 'Vampiro Brasileiro' c/ minha mãe(assunto que ia render até um post).
Alguns bordões ainda são falados e muitas pessoas nem sabem que foi Chico Anísio que criou. Outro dia minha prima tava 'zoando' um amigo nosso e falou "ainda morro disso", mas não fazia idéia de quem era o autor da frase.
Lembrando disso, fiquei pensando: Será que os roteiristas do Zorra Total não poderiam fazer uma pesquisa nos arquivos da Globo?
Bjs.!

MUTUMUTUM disse...

Que legal, cara! Uma linda homenagem a esse cara que, realmente, foi uma sumidade, um poço de criatividade. Tenho mais de 20 anos, e sei do que está falando... hehehe

Sempre curti o Jô tbm... não sei quem era, exatamente, melhor. Mas o Chico, sem dúvidas, é o cara.

Vi o blog dele. Blog simples, sem encheção de linguiça... nem parece de uma celebridade. Aliás, uma das características do Chico: uma celebridade humilde :)

Abraços

Rui Carlo disse...

Não sou cearenbse nato, mas moro aqui há vinte anos, então por osmose já assumi a cearensilidade que pude, só o sotaque às vezes me prega uma peça.
Aqui em Fortaleza tem um Teatro e uma escola de arte com o nome de Chico Anysio, cara que admiro muito.
Já li alguns de seus hilários livros, não perdia o Pantaleão com o "mentira Terta? - Verdade, Pantaleão!"
adorava o Popó rabujento e paquerador, e a Velhinha de Taubaté...
A Band tem tentado resgatar o Ronald Golias, apresentando seus antigos programas de humor... acho que a qualidade do humor da Globo melhoraria muito se ao invés de Zorra se passasse reprises do Chico, porque no Zorra tem muitos clichês e bordões, mas só isso, no Chico haviam os bordões, sim, mas as histórias eram diferentes - meu pai dizia que só inteligente ria das piadas do Chico, que não era nada lugar comum...
Obrigado pela dica do blog

NANDO DAMÁZIO disse...

Amigão, que maravilha isso !! Li o post todo e antes de comentar aqui fui lá dar uma espiadinha no blog do Chico só pra ver como é que é .. E sabe quando um post puxa o outro ?? Foi assim !! Que poeminha lindo aquele do último post, né ?? E a crônica do cigarro, do vento que ajuda o cara .. Demais !!

Amigão, eu também tenho 24 anos mas é claro que acompanhei o Chico derna quando eu era criança, lembro que eu estudava à tarde e a primeira coisa que eu fazia quando chegava da escola era tirar o unifome, comer minha fatia de pão com manteiga e nescau e ligar a televisão para assistir a Escolinha .. Se não me engano parece que passava aos sábados à noite também .. E eu adorava !! Um humor diferente desses que estão tendo o descaramento de fazer hoje, um humor cheio de conotações pornográficas e preconceituosas .. O da escolinha não, era um humor simplório, ingênio, que fazia rir sem precisar de apelações e piadas vulgares .. Um programa pra toda a família, que não constrangia os pais diante dos filhos, como vêm acontecendo atualmente ..

Lembro que já por volta do ano 2000e pouco ele ganhou um programa noturno com quadros de vários personagens seus, e me impressiono como ele consegue transmitir tanta peculiaridade a cada um deles, tanto na caracterização como na interpretação, nem parece o mesmo ator fazendo todos aqueles tipos impagáveis !!

Fiquei com pena quando ele foi no Faustão e disse que tinha quebrado o nariz na piscina com uma queda, o que também contribuiu para sua boca torta .. E agora esse enfizema que ele mesmo disse que aprendeu a se apaixonar por ele ..

Amigão, você mandou bem no post, o Chico é foda !!

Éverton Vidal disse...

Phodástico!
Um grande ser humano. Um profeta do riso!
Tenho 25 anos, deu tempo de se viciar nos programas e escolinhas do chico rs.
Abraçao amigao!
Inté!!!

.drummerchick. disse...

Heeeey! Agradecimentos melosos pra você lá no Baqueta Não É Varinha! Bju!

.drummerchick. disse...

BTW, lembro até hoje que eu via a Escolinha toda tarde com minha mãe (eu tinha uns 10 anos), mas NUNCA entendia as piadas finais do seu Baltazar da Rocha! Terminava o programa e eu ficava no pé da véia - "mãe, num entendi! Me explica, vai!" XD Mas uma dia (acho que a inocência da infância começou a ruir ali (huahauahu)) ele falou a piada, me deu um estalo, eu arregalei os olhos e gritei... "EU ENTENDIIII!!!" Minha mãe riu à beça da minha cara.

dannycsv disse...

Uma frase do Chico que faz todo sentido e que gosto muito é: "Dinheiro não traz felicidade. Só isso!"
Gosto mto do seu blog... nem sempre comento. Em homenagem ao Chico resolvi comentar. Um abraço e bom findi! Bjs.

Cristiane Fetter disse...

Eu assisti a tudo isso e foi umperíodo maravilhoso. Também assistia ao Jô Soares e também amava.
Eu já o tinha visto de cadeira de rodas em uma aparição especial, mas não sabia o que era, até achei que talvez fosse alguma cirurgia.

Pelo menos ele é consciente e sabe as besteiras que fez.

Abraços

Du disse...

Eu sempre fui fã do Chico e até acho que são poucos os que conseguem fazer humor como ele! Sinto saudades daquela época em que o vampiro brasileiro fazia o maior sucesso!
Bela homenagem, amigão!

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____