segunda-feira, 25 de fevereiro de 2008

Apesar de Você


O amigão não gosta de comentar politica nem religião.Mas esta semana vou abrir excessões para falar sobre estes assuntos. O primeiro é sobre a renùncia de Fidel Castro. Ok. ok, a notícia é velha mas só agora estou retornando à matrix."O ditador Fidel Castro, 81, anunciou nesta terça-feira (19/02) a renúncia à Presidência de Cuba e a seu cargo de comandante do Partido Comunista após 49 anos na liderança da ilha. Fidel, que encabeçou a Revolução Cubana em 1º de janeiro de 1959, já havia transferido seus poderes ao irmão Raúl Castro, 76, em julho de 2006, quando se afastou do comando da ilha por motivo de doença"

A decisão, comunicada por meio de um artigo publicado no jornal estatal "Granma", surge a poucos dias da escolha dos novos membros do Parlamento. No artigo, o presidente afirmou que não retornará à Presidência do país e que seu irmão Raúl será o novo presidente.
Foram 49 anos suprimindo liberdades individuais e concentrando em suas mãos todas as decisões e ações, acumulando as funções de justiça, administração e legislação.Desrespeitando os direitos humanos. Anulando a iniciativa privada. Nem pretendo me alongar muito neste post, pois este não é lá um blog muito sério nem engajado.Mas desejo ao povo Cubano um feliz ano novo sem Fidel.
Espero que liguem o ventilador a toda velocidade para que comece a voar todo o excremento acumulado em anos de ditadura.E, então quem sabe, Cuba terá um belo recomeço.
E que um dia o povo Cubano possa ir e vir com liberdade,independência e bom humor.
Lembrando Chico Buarque:
Hoje você é quem manda
Falou, tá falado
Não tem discussão, não.
A minha gente hoje anda
Falando de lado e olhando pro chão.Viu?
Você que inventou esse
Estado inventou de inventar
Toda escuridão
Você que inventou o pecado
Esqueceu-se de inventar o perdão.
Apesar de você amanhã há de ser outro dia.
Eu pergunto a você onde vai se esconder
Da enorme euforía?
Cómo vai proibir
Quando o galo insistir em cantar?
Água nova brotando
E a gente se amando sem parar.

Quando chegar o momento
Esse meu sofrimento
Vou cobrar com juros. Juro!
Todo esse amor reprimido,
Esse grito contido,
Esse samba no escuro.
Você que inventou a tristeza
Agora tenha a fineza de desinventar.
Você vai pagar e é dobrado,
Cada lágrima rolada
Nesse meu penarApesar de você
Amanhã há de ser outro dia.
Ainda pago pra ver
O jardim florescer
Qual você não quería.
Você vai se amargar
Vendo o dia raiar
Sem lhe pedir licença.
E eu vou morrer de rir
E esse dia há de vir antes do que você pensa.

Apesar de você
Amanhã há de ser outro dia.
Você vai ter que ver
A manhã renascer
E esbanjar poesia.
Como vai se explicar
Vendo o céu clarear, de repente,
Impunemente?
Como vai abafar
Nosso coro a cantar,
Na sua frente.

Apesar de você
Amanhã há de ser outro dia.
Você vai se dar mal, etecétera e tal,
La, laiá, la laiá, la laiá?

Clique aqui para ver o vídeo.

Obs.2: A primeira foto do post é um anúncio de oportunidade, criado pela agência Alta Comunicazione Brasil, de Ribeirão Preto, para seu cliente Bebidas Missiato, fabricante de produtos como Rum Mourisca e caninha Jamel.

E vamos mudar de assunto.

14 comentários. Clique e deixe o seu!!:

NANDO DAMÁZIO disse...

Também acho que já tava na hora da Dercy Gonçalves de calça que fuma charuto se tocar que agora tem que se preocupar mais com a "dentadura" do que com a "ditadura" !!

Mas não acho que o cenário político de Cuba sofrerá grandes mudanças, já que ainda continua tudo em família !!

Paty Maionese disse...

Também não costumo escrever sobre política nem religião.
Impressionante como Fidel é sinônimo automático da Dercy.
hehhe

Cristiane Fetter disse...

Acho que não vai mudar nada lá em Cuba, a Dercy tem seguidores.
Abraços

Suzi disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Suzi disse...

"Liberdade de ir e vir" como a dos norte-americanos (dos Estados Unidos da América), que são "guardiões da liberdade" e ao mesmo tempo proibidos de visitar Cuba?? Que pagam multa ao governo dos EUA se forem a Cuba? EUA, que não dá visto de entrada a quem tenha o passaporte carimbado com visto de Cuba??? Sei...

Ou "liberdade de ir e vir" como a nossa, brasileiros que não saem de casa à noite com medo de assaltos, balas perdidas, medo da polícia? Que podem ir e vir, sem dentes (ou com cáries), sem hospital, analfabetos?

O preço que eles pagam é assim tão mais alto do que nós pagamos, por essa tal liberdade que temos??

Pois é. É por isso que Suzi também não gosta de comentar política nem religião...
;o)

Beijos, meu querido!

Marcelo disse...

sei nao, mas nao vejo muita diferença entre a ditadura dele e nossa, q nao podemos sair as ruas e as pessoas estao anestesiadas

Marcelo disse...

ah, li o q a suzi falou depois do meu comentario, e concordo

nossa liberdade eh de fachada, apenas para pobre comprar bens de consumo dos quais nao precisam

Amigao disse...

Nando:A comparação com a Dercy é ótima.

Paty: Eu não vou discutir religião eu vou apenas comentar sobre um assunto que li, ainda esta semana. Brigado pela visita.

Cristiane: Opa visitinha? Vou já lá conhecer seu blog.

Marcelo: O cara da fábrica tá fazendo o que aqui rapaz? Bem vindo!

Eu confesso: só queria mesmo provocar a Suzi.Acho que consegui...rsrsrs.

Suzi disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


e eu caí, né?

:o)))

Suzi disse...

devo consertar um erro crasso de português no meu comentário (não naquele em que eu fui só gargalhada, porque kkkkkkk é mesmo kkkkkk, mas naquele primeiro):
"EUA, que não dão visto de entrada a quem tenha o passaporte carimbado com visto de Cuba??? Sei.."

Foi o calor da emoção.
E, a pensar direitinho, o que é um erro de concordância, quando se refere aos EUA, comparado aos erros de governância deles, que se referem a nós como se fossem os donos do mundo?? Quer saber? Eu nem precisava corrigir... mas como um erro não justifica o outro... rs*

;o)

Amigao disse...

Suzi eu vi la no seu blog alguma referencia ao assunto e resolvi provocar.Caiu mesmo e este "Beijos, meu querido!" doeu. rsrsrs.
Bem politica não se discute, mas eu tomei um susto ao ver tanta gente devedendo o regime praticamente fiquei sozinho no lado contrário.E a música do Chico era contra os milicos não contra os comunas.

Suzi disse...

claro, né?
o chico é o chico!
salve-salve!!!!

Éverton Vidal disse...

Cuba é um assunto complicado rs, sempre gera alguma 'polêmica'... Acho que o problema de Cuba nao é/foi Fidel, mas os EUA.

Éverton Vidal disse...

"E a música do Chico era contra os milicos não contra os comunas."

Eu ia dizer algo assim tb. Nao que Cuba e o governo dos Fideus Ou dercys kkk) sejam o meu ideal...

Assinar Feed dos Comentários

Postar um comentário

Deixe o Amigão feliz, comente isto!



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____