domingo, 30 de dezembro de 2007

Feliz 2008


sábado, 29 de dezembro de 2007

A melhor música dos ultimos dez anos


veja a música no youtube

Goiania a serviço.Acordo com o radinho no quarto do hotel, tocando esta musica que eu nunca tinha ouvido.Grudou em meus ouvidos até chegar em São Paulo.E procurar. Mas eu nem sabia o nome nem quem estava cantando.
E lá se vão 10 anos que ela se tornou minha musica favorita.A mais linda.
Nesse natal ouvi-a na casa do meu amigão Tony. Trilha sonora de um filme que ele gostou muito.

quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

Saudades de você

Penúltimo sábado do ano, resolvi aparecer por lá. É verdade que durante o ano inteiro dei algumas passadinhas lá mas hoje era um dia especial, precisava ir. Fui. Como sempre, sentei-me no ultimo banco e fiquei pensando no silencio, na música que tocava quando de repente senti que alguém estava me acenando. Olhei, era Ele. Deu-me um sorriso envolvente mas fingi que não era comigo.
Fiquei ali no meu cantinho louco para ir embora. Não conseguia. Ele estava ali e sabia que eu também estava. Ficou me olhando de soslaio. Eu sabia que estava me olhando. Eu sabia que Ele estava feliz por eu estar ali.
Fiquei com vergonha da minha roupa. E se Ele soubesse que tinha um maço de cigarros no meu bolso? Será que to fedendo a cigarro? Não, passei muito perfume antes de sair de casa. Meu cabelo estava penteado? Não sei. Queria sair correndo dali mas me faltavam pernas. Havia uma lágrima insistindo em meus olhos. Fiquei firme.
Na hora de ir embora dou um jeito de me envolver na multidão e Ele nem vai me notar. Fui saindo de ladinho, disfarçadamente quando Ele me tocou. Fiquei arrepiado. Não tinha mais como me esconder não dava mais pra fugir.
- Como vai amigão?
- ... Eu vou bem e você?
- Também vou bem. Quanto tempo ...?
- É...Você não mudou nada.
- Eu não mudo. Eu sou o mesmo de ontem e hoje e amanhã. Esqueceu disso?
- É...então blz, eu to indo embora, tenho um compromisso....sábado eu volto....
- Saudades de você....!
- Como?
- Saudades de você!
- É....
- Saudades de você.É somente o que eu sinto. Eu preciso de você e não venha me dizer que não tens tempo!
- É que...
- Eu sei de tudo. Você vai dizer que está tentando fazer tudo certo. Que você é um cara bom. Um amigão. Já sei de todas as suas teorias, suas práticas. Você diz que não precisa vir aqui para fazer as coisas certas.
- É verdade...
- Não. Não é verdade. Nós sabemos que não. Como pode fazer tudo isto sem mim? Você está vazio. Você nem me procura mais...como?
- É que...
- Escuta amigão eu tenho um desejo muito forte por você. Eu quero mais que apenas vê-lo de vez em quando, meu coração sangra de saudades de você.
- é que...
- Saudades de você!


(baseado na musica de Larnelle e Phil Mchush, cantada por Luiz Claudio e Anderson Cesar. Dedico este post a minha querida amiga Suzi)

sábado, 22 de dezembro de 2007

Te procuro

Te procuro e não acho
Volto triste pra casa.
Te procuro a cada hora, cada dia.
Se não te vejo, não sei mais quem sou.
Dispo-me do que aprendi,
Esquecendo do modo de ser.
Se te procuro acho que esqueci de mim
Ai paro a busca e busco a pausa,
E decido como na canção,
Não mais te procurar

(jas)

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Coisa pra se guardar

Coisa para se guardar...
Com o orkut a gente encontrou um bocado de amigos do passado. Mas bem antes da internet já havia o costume das turmas se encontrarem, comemorar mais uma década por exemplo. E lá ia você encontrar aquele bando da turma de segundo grau. Todo mundo gordo, casado com filhos. Mas era sempre emocionante. É sempre emocionante.
É mais que matar saudades.
Ontem foi a despedida do Paulo Giovanni, da agencia. Fez um discurso emocionado: "É muito bom trabalhar e ganhar muito dinheiro, mas nunca esqueça, eu só quero pedir isso, seja feliz"
Acordei com vontade de ouvir Milton Nascimento, "E quem partiu no pensamento ficou..."
Senti saudade de vários amigos e desejei que todos eles estejam felizes.Todos.(O uisque é dos bons)
Quem sabe ainda dá tempo de ver alguns antes que acabe 2007?(antes que acabe o ano, porque o uisque acabou)
Reviver antigas amizades é uma forma de nos reconciliarmos com a nossa história.
Estou indo trabalhar, com soluços (não por causa da musica, mas por causa do uisque).
Bom dia amigos, sejam felizes!
Abaixo reproduzo um texto antigo, que devo ter escrito em alguma época ou momento como este agora.
O amigão é meio bobão. Na verdade eu sou apaixonado por todos os meus amigos.E talvez por ter bebido muito uisque esteja ainda naquela fase de "te considero pra cacete". Mas nem poderia ser diferente, são vocês que dão sentido a vida da gente. né não?.
Ok, o Uisque era muito bom mesmo.

Os amigos, são o nosso verdadeiro DNA, atráves deles sabemos quem realmente somos e caso a gente esqueça disso, ali estão eles que não nos deixam mentir, pois sabem todos os nossos defeitos e erros. Já estão tanto tempo ao nosso lado, e apesar de nos conhecer tão bem não nos deixam.
O mistério da amizade talvez resida no alivio trazido pela existência de alguém empático que nos acolha. Digo acolha não recolha, porque por ai já seria dependência de um lado e paternalismo do outro. Acolher significa, de bom grado, previamente, sem julgamentos ou resistência. Recolher já significa proteger, paternalizar. É outro caso.
E a gente sempre precisa na maioria das vezes de amigos que nos acolha e recolha.
A Amizade, consiste na inexistência de resistências ao outro mesmo quando há discordâncias.Quantas vezes eu mesmo ouvi: Você é um filho da puta, mas é meu amigo!
No caso de amigos da juventude, o que será essa troca? Idéias, Pensamentos políticos, literários ou religiosos? Nem sempre.Em primeiro lugar, parece-me ser a troca de saudades, à vontade de reter um tempo passado e atenuar a proximidade da morte com seu cortejo de ansiedades patentes ou disfarçadas.
Reter um tempo passado por intermédio das recordações, no fundo quer dizer que sentimos saudades de tudo o que existiu fora e dentro de nós ao tempo em que idealizávamos a vida. Éramos sonhadores....Mas, um dia, quando a gente percebe nossos amigos estão longe, casaram, tiveram filhos, famílias e o tempo passou .
Eu sinto que é como se tivéssemos um dia, marcado um encontro num barzinho, e nenhum deles tivesse comparecido ao encontro, e ninguém se lembrou de ligar pro outro no dia seguinte, pedindo desculpa pela ausência . E o tempo passou...Mas, este tipo de encontro nos anima, e você percebe, que mesmo com o tempo ausente, a amizade permanece.Não sobraram rancores, nem cobranças, só mesmo a vontade incrivel que a gente tinha de se ver. E a gente sente ciumes dos novos amigos deles, e os novos amigos sentem ciumes de nós, porque a gente começa a comentar que a "nossa época é que era boa".
Amizade é o que resta da amizade. Se o que resta de uma amizade é amizade, então a amizade é verdadeira!

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

A festa

A novidade é que chove muito por aqui.

Hoje é dia de festa de final de ano. Nem estou muito animado.Mas é sempre bom uma festinha, não?
Nos últimos anos ganhei 2 TVs, 1 DVD. Em 2005 fui sorteado com uma passagem para Maceió com direito a acompanhante. 8 dias sem gastar um cents. Na verdade o sorteio era para Buenos Aires, mas pedi para trocar e me oferecerem uma estadia no Venta Club Platagy , em Maceió (se aquilo não é o paraíso, fica próximo).
Festa de final de ano de publicitário é bem diferente de outras empresas. Você já vai sabendo que vale tudo mas que tá todo mundo te observando mesmo.É muita música, bebida e um monte de pegação.
Costumo dizer: Nestas festas você tem que ser a fofoca e não fazer a fofoca.
...Boas festas para todos!

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

momentos que me lembram que o natal finalmente chegou

De ontem pra hoje mudei o titulo do post e acho que isso aqui vai virar uma série.
Quarta feira é dia da coleta do lixo. Ontem especialmente eles estavam eufóricos entregando em todas as casas um cartãozinho desejando feliz natal. Tinha até foto dos garis. E informaram que vão passar no dia 20 (dia vinte de novo?) para recolher a caixinha de natal.
Quando saio hoje de casa, o gari, me espera no portão e pergunta que dia eles podem voltar para recolher a caixinha de natal.
- Mas, não é dia 20?
- Não moço, "nois num é os que recolhem o lixo a noite, nois é os que limpa a rua durante o dia"
- Ok, passa dia 20 então.
Como podem ver, dia 20 todo mundo vai fazer a festa com o meu décimo terceiro.
Aliás, isto tudo me lembra uma piada e como este blog não tem compromisso com nada mesmo, vai a piada. Acho que foi o Dago que me contou anos atrás.
Um carteiro estava fazendo suas entregas e parou em uma das casas, onde foi cumprimentado na porta por uma jovem e bonita mulher vestida com uma camisola sensual.
Ela perguntou: "Você tem tempo para entrar um pouquinho? Eu tenho algo para te dar."
O carteiro entrou na casa e ela chamou: "Suba as escadas".
Ele a seguiu até o quarto, onde eles fizeram amor como nunca haviam feito antes.
Depois, eles desceram e ela disse: "Sente-se e eu farei seu café da manha".
Ela preparou um café com torradas, e quando ele se sentou na mesa, percebeu que havia um prato com um dolar dentro.
- Para que é este dolar? - ele perguntou...
- Bem - diz a mulher - Eu perguntei para o meu marido o que dar ao carteiro no Natal, como toda a vizinhanca costuma fazer... E ele disse: "Foda-se o carteiro, de-lhe um dolar". Ja' o café da manha foi ideia minha.

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Hoje é dia do palhaço


Bem lembrado Sheilinha, vi no seu msn e fui conferir. Hoje é dia do palhaço.

O problema de ser um palhaço é que todo mundo acha que voce é um palhaço mesmo. E voce fica o dia inteiro ouvindo : “Quem contratou este palhaço”, “Ele não passa de uma palhaço”, “Sai daqui ô palhaço” e até “Bom dia palhaço”.E voce só tem uma opção na vida, assumir, sua condição de palhaço, colocar a roupa amassada e este velho nariz vermelho.Eu sou um palhaço assumido. Não tenho nenhum tipo de ilusões nem surpresas. Nada do que é humano me é estranho.Esta sensação me acompanha desde garoto. Por maior que fosse o fusuê eu sempre me sentia em parte, distante. Observador apenas. Sei o que são paixões e ilusões mas me pergunto se me dei de todo a alguma paixão(?). Não. Nunca me entreguei a nenhum relacionamento.Também não lembro desde quando decidi viver sozinho. Não lembro o que me fez convencer de que me bastaria a mim mesmo e que sempre criaria uma vida diferente para mim. V
Vivo assim como um palhaço, trabalhando com meus próprios medos, temores e problemas e sempre mas sempre mesmo, achando o lado cômico de tudo.Palhaço pode ser qualquer um, desde que voce faça alguém rir mas eu sou um palhaço que rir da sua própria desgraça, um palhaço diferente.
O meu amigão Rick, que estuda artes cenicas me passou esta definição de palhaço: “ Amigão, são dois tipos; o palhaço e o clown. Eu respeito o palhaço mas creio que é uma coisa boba.O palhaço trabalha somente com o improviso, não tem muito trabalho de corpo e é quase sempre a mesma coisa. Já o clown tem um trabalho mais fudido de corpo amigão , alem da voz e tambem é claro da improvisação.Um ator que seja palhaço ou clown nunca vai conseguir fazer dois personagens ao mesmo tempo, ou seja um que chora e outro que ri.Na verdade é um sacerdócio , você escolhe seu palhaço e leva pro resto da vida e faz as pessoas rirem com a sua alegria ou com seu choro, ou com seu sorriso, ou com sua inteligência ou com a falta dela, tá ligado?”


Tô ligado!

Feliz dia do palhaço!



Ainda não sou um ingenuo mas serei um dia. Acho que a gente só consegue o prazer quando é totalmente ingênuo,puro e inocente. Se você arma de um lado e de outro o tempo todo o prazer foge. Ou então quando consegue alguma coisa está exausto. Prefiro esperar pacientemente sem desespero. Ficar desarmado frente às pessoas e fatos. Então chega o prazer.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Suzi

Conheci Suzi, quando ainda era uma menina. Encantadora, meiga, sorridente. Tinha na época um sorriso bem largo, uma gargalhada escancarada. Aliás, Suzi vem de uma família onde todos riem muito e são felizes.Era uma menina levada, falante e alegre! Uma menina com nome de boneca.
"Os sonhos, Suzi carrega pra cima e pra baixo e só sossega quando os faz acontecer"
Suzi cresceu e provavelmente tornou-se encantadora, meiga, sorridente. Provavelmente continua com um sorriso bem largo, uma gargalhada escancarada.Digo provavelmente porque não a vejo desde que era boneca. Mas sei que todas as virtudes são para sempre e eu sempre acompanho-a pelo seu blog. Minha inspiração diária.
"Suzi sabe que nada do que fazemos tem importância, se não tocamos o coração das pessoas."
Como todas as mulheres bonitas que conheço, ela deve estar completando hoje seus 29 anos de idade. Sim. Toda mulher bonita quando faz aniversário é sempre 29 anos.


quarta-feira, 5 de dezembro de 2007

Eu não sei parar de te olhar....

Teve uma época aqui em Sampa, que quem não tinha assistido "Closer", estava totalmente por fora. Eu via muitas pessoas no trabalho comentando que o filme era bárbaro, e sei lá o que mais. O Emerson me indicou o filme com a recomendação: "99,9% das pessoas que assistem não gostam. Mas eu acho que você vai gostar"

Não gostei.

"Anna (Julia Roberts) é uma fotógrafa bem sucedida que conhece e seduz Dan (Jude Law) um jornalista sem sucesso tentando lançar um livro; os dois tem um rápido envolvimento. Anna conhece Larry (Clive Owen) de uma forma no mínimo inusitada e se casa com ele. Dan mantém um caso com Anna mesmo depois do casamento e usa Alice (Natlie Portman) como musa inspiradora. Um filme incrível marcado por saltos no tempo, muito ritmo, diálogos bem formulados e executados, atuações impecáveis e chocantes e um grande choque de realidade"
É o filme de hoje na Sessão Especial da TV Globo. Desde não sei quando a emissora está veiculando chamadas para este filme. A música do filme é aquele troço que a Ana Carolina e o seu Jorge gravaram em português. Aquela mesmo que me causava calafrios e dores horriveis no estomago. Talvez por isso não tenha gostado do filme.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____