sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Colorir a vida

É triste contemplar: Gente sem amor, fria e sem cor.
Sei que não sou herói,
Sou somente alguém sempre a cantar.
Mas, se a todos eu amar,
A todos eu sorrir,
A todos confortar.
Sim, tudo vai mudar,
O sol irá brilhar, chamando forte:
Vem, vamos colorir!
A vida é um arco-íris, A enfeitar e expressar Que as nuvens vão passar, Sempre vão passar.
O amor irá reinar
Nesta canção, no coração, Se deres tua mão.
Vem, Vamos colorir!

(coral Jovem do Rio - letra de Flavio Santos)

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

Onde anda você?

"E por falar em saudade,
onde anda você?
Onde andam seus olhos, que a gente não vê?
Onde anda esse corpo,
Que me deixou morto de tanto prazer?
E por falar em beleza onde anda a canção,
Que se ouvia na noite dos bares de então?
Onde a gente ficava, onde a gente se amava
Em total solidão.
Hoje eu saio na noite vazia,
Numa boemia sem razão de ser,
Na rotina dos bares, que apesar dos pesares,
Me trazem você.
E por falar em paixão, em razão de viver,
Você bem que podia me aparecer,
Nesses mesmos lugares, na noite, nos bares
Onde anda você?"

"Onde Anda Você" (Vinicius de Moraes e Toquinho)

segunda-feira, 27 de agosto de 2007

De volta a matrix

Acordo com uma musica linda que me diz:" Em breve sei, céus e terra irão passar...", foi um CD que minha sobrinha me deu de presente. A musica enche a casa de esperança. O dia está lindo, há sol, há passáros e....há carros, muitos carros. Estou em São Paulo. Mas nada me parece uma segunda feira. Acho que é a gente que faz o dia.

Sabe, uma boa musica e um bom chuveiro...
"não mais dor, não mais tristezas, só o bem, só o amor"
É segunda feira e todos os dias serão assim pra mim e prá voce, cheios de noticias agradáveis, certeza de um futuro melhor, de um mundo melhor e de dias melhores.
Vai nessa amigão, vai que a semana começa cheia de esperança.






domingo, 26 de agosto de 2007

no trem

O Rio de Janeiro tem um sistema ferroviário muito extenso. Os trens, alguns velhos caindo aos pedaços, outros novos, correm por todo o subúrbio carioca.
A ordem geral é os trens só podem circular com as portas fechadas, mesmo que de vez em quando algum engraçadinho tente segurar a porta para andar pendurado, outros trens circulam ignorando as normas de segurança, outros não prosseguem a viagem de jeito nenhum.
Estou dentro de um deles, alguém está segurando as portas impedindo a continuação da viagem, o sistema de auto falante da estação, informa:
- Senhores passageiros, este trem só circulará quando todas as portas estiverem fechadas, colaborem.
Alguns minutos se passam, e o trem continua parado, o locutor reafirma que o mesmo não prosseguirá viagem.
No terceiro aviso, o locutor, perde totalmente a paciência:

- senhores passageiros, tem um corno atrasando a viagem de vocês...

Diante da gargalhada geral, eu me lembro: estou no Rio.

sexta-feira, 17 de agosto de 2007

Fui

Esta semana estarei no Rio de Janeiro, é aniversário da minha mãe e vou ficar uns dias com ela. Dona Maria, merece muito mais que alguns dias.

E vocês, continuem me lendo e indicando aos outros. Quem não lê este blog, não sabe o que tá perdendo. Quem lê sabe.
Estou espantado com o contador de visitas no blog, em duas semanas quase 500 pessoas passaram por aqui. Será que dá pra ganhar algum dinheiro com isso?
Fico imaginando se dona Maria entra aqui neste blog por descuido. Ela dirá certamente: "mas minino que marmota é esta?"
Então é isso, vou postar lá do balneário, se der, se a criançada deixar.
Bom final de semana a todos!

Vai pra casa meu filho

Por que todo mundo tem fotos da família nas mesas? Dá um rolê pela agência e você vê que em todas as mesas há fotos de crianças, esposas, cachorros. O cara trabalha o dia inteiro olhando pra família.
Será que é para não esquecer que são casados? Será que eles dizem si mesmos "oba, cinco da tarde. Hora de ir para os bares pegar uma putas. Espera ai, olha esta foto!Eu tenho mulher e filhos! Tinha me esquecido!" Daí o sujeito fica na agência até de madrugada.

oba

Cheguei cedo hoje na agência, preciso adiantar o serviço porque vou me ausentar durante alguns dias. Chegar cedo tem umas vantagens, porque ninguém chega cedo e você pode ler os emails tranquilamente, o telefone não toca, e o serviço rende que é uma maravilha. Tem o pessoal que prefere ficar trabalhando até tarde virar a noite, eu já prefiro chegar mais cedo.Mesmo porque tem aquele ditado que diz que "diretor de arte vira dono de agência e mídia vira a noite na agência".
Mas a coisa mais chata de chegar cedo é que quando a gente aparece de manhã e diz "oi" prá todo mundo, mesmo assim ainda tem que cumprimentar as mesmas pessoas toda vez que passa por elas. Você entra de manhã e diz "Bom dia Ju. Tudo bem?" "tudo bem". Dez minutos depois você encontra a Ju e diz de novo: "tudo bem?" Eu já sei que está tudo bem, ela me disse. Mas tenho que dizer aquilo novamente, toda vez que encontro com a Ju. Então a gente tem que ficar inventando cumprimentos diferentes. "E ai!", "fala", "belê", ou então um sorrisinho e um levantar de sobrancelhas. Ou um "opa" baixinho com um principio de sorriso. E se o corredor é estreito? Só tem você e a Ju no corredor, bem ai, você não precisa dizer "opa", você pode falar "dá licença", mas tem que ser com um sorriso. A sílaba "cen" tem de ser mais aguda. Ou voce pode simplesmente dizer "cença". Agora se você é amigao da pessoa, pode dizer " e ai viado!", este é o mais usado nos escritórios.

Referências aos dias da semana são sempre boas, especialmente segunda ou sexta, por causa daqueles sentimentos obrigatórios. As pessoas gostam de qualquer coisa que tenha fim de semana no meio: "Foi bom o fim de semana?" ou "Bom fim de semana pra você". Quinta feira é bom usar "mais um dia", que sempre provoca a resposta "é isso ai". Quarta feira é "Dia chato". "Ah, isso é". A Brahma inventou o tal de zeca feira, para ser usado na quarta, então deixou de ser dia chato, pra ser "e ai zeca feira?" "é..."

O amigão não perde tempo, já fala "oba, oba". Assim, não precisa ficar fundindo o cérebro bolando cumprimentos .

Então é isso, oba!

terça-feira, 14 de agosto de 2007

Procurando emprego?


A KWP, agência australiana, decidiu pegar um caminho direto nos anuncios classificados que colocou no jornal em busca de pessoal para a equipe. Estava procurando um assistente de estudio e um assistente de produçao. No 1o anuncio avisa - 'Se você acha que o emprego é um lixo, espere até ver o pagamento'. No 2o, pede - 'Ajude a fazer anuncios. E café também'. Nao só os titulos, mas o texto das peças também é sincero, resumindo o que o contratado vai fazer, sem esconder que isso inclui algumas tarefas pouco glamorosas, mas lembrando que é uma maneira de começar numa agência de propaganda. O prazo para envio de curriculos já terminou (Do Blue Bus)

segunda-feira, 13 de agosto de 2007

Bem-te-vi

"Eu estava ali, e vi,

Num galho seco, estorricado,
Eu vi o bem-te-vi,
Vi-o e vi que ele me viu
O peito amarelo fulgurante,
Lingua de fora,
Bico aberto,
Asas suspensas,
Imóvel,
Indefeso,
Em busca de um novo amor,
Andando de galho em galho,
Olhar triste no horizonte,
Em busca de um verão,
Eu bem que vi, o bem-te-vi,
E vi que ele me viu"

domingo, 12 de agosto de 2007

Segunda, novamente....

Em quase todas as salas, havia um quadro na parede, com um aviso a todos os funcionários e chefes:

"A partir de hoje, é terminantemente proibido dar qualquer tipo de notícia ruim na sexta feira.Todas as noticias ruins e chatas, deverão ser dadas na segunda feira, que já é um dia chato e ruim.
Assinado Jose Zaragoza"

E foi a partir daí, que as noticias ruins e principalmente as demissões, passaram a ser comunicadas na segunda feira seguinte.

E amanhã é segunda feira, 13.

Boa Sorte!

Final de semana do amigão

O amigão nem lembrava mais do gosto de soja, "há muitos anos não como isso". Fui jantar com meu amigo Cássio, na sexta feira, e ele serviu este prato de soja, delicioso.
Perguntou se eu já havia comido soja, disse que sim, passei parte da minha vida, me alimentando a base de soja. Mas soja daquele jeito não, eu nunca havia comido.Imaginei a cara de reprovação de minha mãe se visse este prato: soja com pedaços de frango e calabreza.
Mas fica a dica de servir apenas com pedaços de frango.
Uma delícia mesmo.
Sábado, reencontrei muitos amigos, na casa do Toni, comemorando seu aniversário em torno de uma suculenta feijoada. Quase cem convidados e a grande maioria ex-colegas de trabalho da DPZ, nos anos 90.
Agora estou aqui cheio de remorsos, pela intemperança cometida no final de semana. Comi demais e hoje passei o dia na base de frutas e Coca Zero.
Cheguei a pensar em sugerir aos criativos da agência, que criem uma campanha publicitária, pra todo mundo ficar gordinho. É mais fácil manipular a opinião pública, do que deixar de comer estas iguarias.

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Boa noite!


Cuide-se bem
Perigos há por toda a parte
E é bem delicado viver
De uma forma ou de outra
É uma arte, como tudo.
Cuide-se bem
Tem mil surpresas à espreita
Em cada esquina mal-iluminada
Em cada rua estreita do mundo
Cuide-se bem
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto
Cuide-se bem
Eu quero te ver com saúde
E sempre de bom humor
E de boa vontade
E de boa vontade com tudo
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto

musica de Guilherme Arantes
foto do amigao, São Paulo agora, 22h41




Hoje é sexta feira...
Deus eu não mereço tanto!

terça-feira, 7 de agosto de 2007

Merlim comentou meu blog

O amigão, encontrou este comentário no seu blog:

Merlim disse...
"Eu me lembro não dos tempos de "muleque" mas um tempinho logo depois. Talvez não tenha tido oportunidade de dizer mas sempre admirei sua capacidade de criar e se manter fiel ao que pensava. Mesmo que soubesse que os que te assistiam nos JAs da vida muitas vezes o faziam por falta de opção ou por costume. E apesar de não concordar muito com parte do seu estilo -carreira solo, nunca deixei de reconhecer o seu valor. Mesmo que apesar de não termos sido grandes amigos, tivemos grandes amigos em comum que nos oportunizaram vencer diferenças e manter uma convivência salutar.Quanto a ser reconhecido, ficar rico, isso é legal, mas existe coisa muito maior que isso. A felicidade mora mais perto do que imaginamos, difícil é enxergá-la em nossa miopia de vida"

Acho que a pessoa está se referindo aos tempos da Central Paulistana, acho que sim.
Lá pelos idos de 1986, ingressei na Central Paulistana e ali passei alguns anos, servindo com lealdade, dando tudo até o limite, li no Advir, que a Central Paulistana, comemorou seus 78 anos. E a nossa equipe estava na festa de “60 anos de Liberdade”, tema criado e festa organizada por nós. A gente formava um time legal, com o Wagner, o Edson, o Kaup, a Arismar, Cláudio e o Alex. Tempo dinâmico, de criação pura.Não era uma carreira solo, era uma equipe.Isso sim!
A mesma equipe que organizou o"I Encontro Adventista de Propaganda e Marketing", totalmente profissional e produtivo, e devidamente apedrejado e criticado.
A mesma equipe que participou ativamente nos bastidores do primeiro"Projeto Sol",no Ibirapuera, divulgando o evento na imprensa e fornecendo dados de audiencia do IBOPE para os organizadores alem da cobertura fotográfica que foi cedida depois para a CASA. A mesma equipe, que trabalhou na divulgação do “Nova Voz” no seu inicio,quando ainda se chamava Louv'art. A mesma equipe que organizou o acampamento "Cataventos", que dizem foi o melhor acampamento da história.
Mas faltava alegria, faltava paz.Ou talvez como você disse reconhecimento, uma coisa que os humanos gostam muito, e que de vez em quando faz um bem danado. E afinal de contas o amigão era um jovem como os demais, precisava ter sua vida e ao contrário, estava ali trabalhando por outros jovens que nem sabiam se estavam ali por costume ou falta de opção.
Sem saudades, sem rancores, sem sorrisos, sem acenos na ida e sem convites para voltar. E lá se vão dezoito anos, sem ouvir falar.
É muito fácil me encontrar aos sábados, estou sempre no ultimo banco na IASD de Campo Grande, região de Santo Amaro, exceto nos dias em que saio pra jogar tenis.



 
^

Powered by Bloggerblogger addicted por UsuárioCompulsivo
original Washed Denim por Darren Delaye
Creative Commons License

____